DreamWorks Animation
DreamWorks Animation

Estreias: 'Trolls', 'Poderoso Chefão' e 'M8' são destaques da semana

Nova edição do encerramento da trilogia de Francis Ford Coppola e filme nacional que une terror e crítica social chegam aos cinemas

Luiz Carlos Merten, O Estado de S.Paulo

04 de dezembro de 2020 | 05h00

Estreia o novo Jeferson De, na vertente “vidas negras importam”. A par de ser muito bom, M8 – Quando A Morte Socorre a Vida destaca-se por oferecer belíssimo papéis a Juan Paiva e Mariana Nunes. Ambos interpretam profissionais de saúde num momento de convulsão social. Não, não é a covid. O filme foi feito antes. Reestreia também a nova montagem de O Poderoso Chefão 3. O filme sempre foi considerado o mais fraco da trilogia de Francis Ford Coppola – está mais do que na hora de recobrar sua importância, que é visceral.

Amizade Maldita

Dir. e roteiro de Brandon Christensen, com Keenan Connor Tracy. O terror da semana. Casal percebe que o filho único dedica tempo demais a um amigo imaginário. A mãe desconfia e descobre que se trata de uma relação destrutiva, com origem no próprio passado dela. E agora? O filme abriu com 96% de aprovação no site Rotten Tomatoes.

 

Belle Époque

Direção de Nicolas Bedos, com Daniel Auteuil, Guillaume Canet, Fanny Ardant. Atração do recente Festival Varilux do Cinema Francês, o filme mostra sexagenário que se submete a um experimento. Em busca de um sentido para a própria vida, ele aceita ser voluntário num montagem teatral do período que considera preferido de sua vida. Afloram emoções difíceis de controlar. O amor que parecia perdido terá nova chance?

 

A Loucura Que Nos Une

Dir. de Marie Grahto Sorensen, com Trine Dyrholm. Cientista que pesquisa o suicídio se liga a paciente que não está respondendo a terapias de superação e ameaça matar-se.

 

M8 – Quando a Morte Socorre a Vida

Dir. de Jeferson De, com Juan Paiva, Mariana Nunes, Raphael Logam, Zezé Motta, Léa Garcia. O estudante negro, cotista na Faculdade de Medicina. É o único preto da turma e talvez tenha mais a ver com o cadáver que disseca na aula de anatomia do que com os colegas. Obcecado pelo cadáver, M8 transforma-o em emblema dos os jovens de periferia chacinados no Brasil. Um grande filme brasileiro sobre o tema do momento – vidas negras importam.

 

New Life S.A.

Dir. de André Carvalheira, com Renan Rovida, Murilo Grossi, Wellington Abreu. Arquiteto cria condomínio de luxo em Brasília. Vê nele a concretização de seus sonhos, mas descobre que o sogro comprou políticos e juízes e expulsou a população original. Um retrato realista do Brasil corrompido e desigual.

 

Niède

Dir. de Tiago Tambelli. O documentário sobre a arqueóloga Niède Guidon resgata o trabalho dessa mulher extraordinária na Serra da Capivara, no Piauí. Niède contou uma outra história sobre o povoamento do Brasil. Uma pré-história. Um filme muito bem documentado.

 

O Poderoso Chefão – Desfecho: A Morte de Michael Corleone

Dir. de Francis Ford Coppola, com Al Pacino, Diane Keaton, Andy Garcia, Sofia Coppola, Talia Shire, Eli Wallach. O terceiro filme da série do Chefão foi sempre apontado como o mais fraco de todos. O próprio Coppola, insatisfeito, resolveu fazer algumas mudanças. Essa nova versão permite que ele entre aqui como estreia, ou pelo menos reestreia. Para muitos, será uma (re)descoberta. O Chefão 3 fornece o fecho trágico para toda a série. Magnífico.

 

Sertânia

Dir. de Gerardo Sarno, com Vertin Moura, Júlio Adrião. O delírio do cangaceiro Antão, ou Gavião. Sobrevivente de Canudos, ele é levado ainda garoto para São Paulo, onde tenta uma carreira militar. Ao perder a mãe, faz a viagem de volta e ingressa no cangaço, no bando de Jesuíno, que invade Sertânia. O diretor Sarno fez um dos grandes documentários do cinema brasileiro – Viramundo. Faz um cinema impregnado pela cultura sertaneja.

 

Soldado Estrangeiro

Dir. de José Joffily e Pedro Rossi. A história de três brasileiros que se alistaram nos Exércitos dos EUA, de Israel e na Legião Estrangeira. Homens que se sentiam invisíveis em seus países de origem. O que buscam – aventura? Reconhecimento? Um experimento bem interessante.

 

Trolls 2

Dir. de Walt Dohrn. O mundo dos trolls está em perigo, ameaçado de destruição, e a rainha Poppy e Branch tentam unir as diferentes comunidades para garantir a sobrevivência. Multicolorido, divertido, um programa para elevar o astral no fim de ano.

Vingança e Traição. Dir. de Vladimir Koyfman, com Ivan Bosiljcic, Ina Barron. Mecenas sente-se atraído por linda mulher, mas quando ela lhe relata as circunstâncias da morte de seu marido ele começa a pensar que pode estar em perigo. Romance, ação, as referências não são animadoras.

 

Tudo o que sabemos sobre:
cinema

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.