NYT
NYT

Frida Kahlo ganha exposição virtual em plataforma do Google

Mais de 800 peças, entre obras, imagens e cartas da pintora mexicana, foram disponibilizadas no Google Arts & Culture

O Estado de S.Paulo

24 Maio 2018 | 11h42

A pintora mexicana Frida Kahlo é tema de uma exposição gigantesca, que reúne mais de 800 peças, entre obras, imagens, cartas e retratos. A mostra, porém, não é em algum museu ou galeria, e sim na plataforma digital Google Arts & Culture, voltada para o mundo das artes. 

Ao todo, o Google contou com mais de 30 parcerios para montar a exposição, que conta com obras de arte e peças raras da pintora mexicana. Entre as obras de coleções particulares, que raramente vão à público, está View of New York, em que Kahlo desenhou o que via pela janela do Barbizon Plaza Hotel, em 1932. 

++ São Paulo ganha exposição com fotos inéditas de Frida Kahlo e Diego Rivera

Dentro da mostra, é possível visitar cinco lugares virtualmente por meio da ferramente Street View, além de ver 20 obras com tecnologia de super alta definição, que permite enxergar detalhes que passariam despercebidos a olho nu. Um exemplo é a obra Auto-retrato dedicado a Leon Trotsky, em que é possível ver uma carta de Frida escondida na obra.

Para a exposição, a artista Alexa Meade, a cantora Ely Guerra e a fotógrafa Cristina Kahlo, sobrinha-neta da pintora, desenvolveram uma seção chamada Frida e Eu, que mostra a importância da artista nas artes mexicanas, como música e fotografia, até hoje. 

A mostra virtual está disponível no site do Google Arts & Culture

Mais conteúdo sobre:
Google Frida Kahlo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.