Vereador representa contra o ‘Bloco Porão do Dops’

Sonia Racy

18 Janeiro 2018 | 00h40

GILBERTO NATALINI

GILBERTO NATALINI. FOTO: NILTON FUKUDA/ESTADÃO

Alterado às 12h15 para atualização de conteúdo.

O vereador Gilberto Natalini representou junto ao Ministério Público paulista contra a criação do Bloco Porão do Dops, pelo Movimento Direita São Paulo – e que tem como patrono o falecido coronel Brilhante Ustra.

O vereador, que foi torturado durante a ditadura militar, pede “a imediata identificação dos organizadores, retirada do evento das redes sociais e rede mundial de computadores, persecução criminal dos autores do crime e medidas que inviabilizem a realização do bloco, que inclusive não está no calendário oficial da cidade de São Paulo”.

Leia mais notas da coluna:

Rodrigo Pacheco diz que foi convidado por Maia a se filiar ao DEM

Sá Leitão conta com Abraplex para divulgar campanha Cultura Gera Futuro