Privatização da Eletrobrás não sai do papel sem decisão sobre ministério

Privatização da Eletrobrás não sai do papel sem decisão sobre ministério

Sonia Racy

24 Março 2018 | 00h55

FERNANDO BEZERRA

FERNANDO BEZERRA COELHO. FOTO: MOREIRA MARIZ/AGÊNCIA SENADO

Enquanto não houver decisão sobre o futuro ministério de Temer, a Câmara vai andar de lado e a privatização da Eletrobrás não vai sair do papel, segundo fonte próxima às negociações.

Nesta semana, entretanto, Fernando Bezerra aumentou seu cacife para indicar o sucessor para Minas e Energia quando se filiou ao MDB – depois que resolveram a cizânia da executiva do partido em Pernambuco.

Se isso acontecer, o projeto terá chance.

Leia mais notas da coluna:

Advogados querem suspensão de prisões em 2ª instância até julgamento de ações

Interrompido, Fux abre espaço para ‘intervenções’ dos colegas