Divulgação
Divulgação

Série 'Mad Men' terá pelo menos mais 2 novas temporadas

Quinta temporada estreará em março de 2012; criador da série, Matthew Weiner também produzirá a 6ª e acredita que possa existir sétima

Efe,

01 Abril 2011 | 01h14

LOS ANGELES - A premiada série de televisão Mad Men terá pelo menos mais duas novas temporadas, informou a publicação especializada The Hollywood Reporter.

 

O acordo para isso foi alcançado nesta quinta-feira, 31, entre a emissora AMC, o estúdio Lionsgate e o criador da série, Matthew Weiner.

 

Desde sua estreia em 2007, Mad Men venceu três vezes o Emmy de melhor drama da televisão americana (2008, 2009 e 2010), mas as diferenças entre Weiner, AMC e Lionsgate ameaçavam a continuidade da série.

 

Por conta disso, a AMC havia anunciado durante esta semana que a atração não voltaria à sua grade nos Estados Unidos com a quinta temporada até pelo menos março de 2012.

 

Pelo acordo alcançado nesta quinta-feira, Mad Men iniciará sua quinta temporada em março do próximo ano. Ficou acertado também que Weiner produzirá a sexta temporada da série, além de ter deixado a opção para uma sétima.

 

O canal a cabo AMC paga US$ 3 milhões por episódio da série ambientada nas décadas de 50 a 60, em atração que contribuiu para a popularidade da emissora, mas não tanto para sua receita.

 

Mad Men obteve a média de US$ 2 milhões em publicidade por capítulo em 2009, número inferior ao alcançado em 2008 e 2007.

 

Segundo a imprensa americana, a AMC e a Lionsgate pretendiam cortar dois minutos de cada capítulo, de 47 para 45 - algo que conseguiram, exceto para o primeiro e o último episódios de cada temporada -, a fim de aumentar a presença de publicidade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.