Jorge Silva / Reuters
Jorge Silva / Reuters

Série de TV sobre o jogador Maradona começa a ser gravada em Buenos Aires

Argentino será interpretado por Juan Palomino, protagonista de 'Magnífica 70', da HBO Brasil

Redação, AFP

29 de janeiro de 2019 | 10h33

A gravação em formato de série de televisão da vida do ex-jogador de futebol e treinador Diego Maradona, com o título Maradona - Bendito sonho, começou nesta segunda-feira, 28, em Buenos Aires, informou a imprensa argentina.

"É uma série biográfica de uma hora [cada episódio] que seguirá os triunfos e desafios deste jogador de futebol lendário, assim como os momentos-chave tanto de sua carreira profissional como de sua vida pessoal", antecipou a produtora Amazon Prime Video em um comunicado.

O cinema e a TV registraram mais de uma vez parte das dos acontecimentos gloriosos e turbulentos do capitão 'albiceleste', campeão mundial no México-1986. Mas são poucas as biografias integrais de ficção.

O mais recordado é o documentário filmado por Emir Kusturica. O cineasta e músico sérvio o acompanhou com sua câmera quando o ex-jogador organizou em 2005 uma manifestação contra a presença na Argentina do ex-presidente americano George W. Bush.

A nova produção foi impulsada pelo gigante do comércio Amazon, decidido a competir com outro colosso, Netflix, que prepara uma série sobre o capitão do Boca Juniors, Carlos Tevez, ídolo do futebol argentino.

Três atores foram eleitos para as diferentes etapas da vida do agora treinador do mexicano Dorados de Sinaloa.

Maradona em sua idade atual, 58 anos, será interpretado por Juan Palomino, protagonista de Magnífica 70, da HBO Brasil.

Em uma fase anterior da vida adulta, será encarnado por Nazareno Casero, que atuou na minissérie "Historia de un clan", de Pablo Trapero.

Já o jovem Maradona será vivido por Nicolás Goldschmidt, ator na série de televisão "Supermax", uma coprodução da Espanha, Brasil, México, Uruguai e Argentina.

 

Mais conteúdo sobre:
Maradonasérie e seriado

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.