'Se tiver espaço, quero ficar'

Quase 10 anos de SBT, um deles praticamente todo fora do ar. Ratinho, que já não se mostra a isca de ibope do passado, foi uma das maiores vítimas da instabilidade de Silvio Santos. Mesmo assim, quer ficar.Você já foi chamado para conversar sobre renovação?Não fui chamado, mas pretendo renovar sim, desde que tenha espaço na grade de programação do SBT.O que acha do assédio de outras emissoras, como a Band?Se não houver renovação no SBT, a Band seria uma opção interessante.O fato de você ter afiliadas do SBT no Sul não complica sua ida para a concorrência?Não. Sei separar muito bem o empresário Carlos Massa do apresentador Ratinho.O que acha das mudanças de seu programa no SBT e de ficar tanto tempo fora do ar?As mudanças freqüentes são opções que a emissora encontrou para melhorar. Umas dão certo, outras não. Ninguém pode duvidar da capacidade intuitiva do Silvio.Já teve outros convites para deixar o SBT. Por que não foi?Porque sempre fui bem tratado lá .Sente que o SBT pode perder estrelas como você, a Galisteu a Hebe?Acho que não vai perder. O SBT está crescendo rápido com a volta do Programa Silvio Santos aos domingos, Pantanal... Existe a possibilidade de que eu apresente um programa aos sábados das 14 às 18 horas. E tenho certeza que vai dar audiência, se não formos primeiro lugar vamos pelo menos incomodar.

O Estado de S.Paulo

13 de julho de 2008 | 00h52

Tudo o que sabemos sobre:
ratinhosbtcontrato

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.