Rede ABC confia que cerimônia do Oscar vai ao ar como de costume

A rede ABC, da Disney, disse naterça-feira que confia que a cerimônia da entrega dos Oscarserá transmitida ao vivo por ela em 24 de fevereiro, conforme oplanejado, apesar da greve dos roteiristas de Hollywood, e quenão vê necessidade de oferecer aos anunciantes compensações poruma possível audiência abaixo da prevista. Os executivos da rede desmentiram relatos de que elaestaria discutindo com representantes dos anunciantes o quefazer no caso de a greve dos roteiristas tornar obrigatóriasmodificações na transmissão da cerimônia do Oscar, previstapara durar três horas. "A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas estádecidida a fazer a cerimônia, e não preparamos planos decontingência para os anunciantes", disse uma porta-voz da ABC. No mês passado o Sindicato dos Roteiristas dos EUA (WGA)ameaçou fazer piquete na cerimônia anual de premiações,levantando a possibilidade de a elite de Hollywood deixar departicipar do evento, para assinalar seu apoio aos roteiristasem greve. Na segunda-feira foi anunciado o cancelamento do eventotelevisivo habitual da entrega dos Globos de Ouro, devido aoboicote previsto de apresentadores e indicados aos prêmios. Em lugar da cerimônia glamurosa habitual com mais de trêshoras de duração, haverá uma coletiva de imprensa de uma horaneste domingo, que será coberta ao vivo pela NBC. Prevendo uma queda de audiência, a NBC na terça-feiraestava oferecendo a alguns anunciantes uma devolução do quepagaram. A ABC disse que, devido à maneira como são vendidos osanúncios para a cerimônia do Oscar, ela não corre o risco deperder receita publicitária se os Academy Awards forematingidos pela greve. Embora a ABC vá transmitir a cerimônia, o evento é escritoe produzido pela Academia, que é sua proprietária e que será aresponsável por buscar um acordo especial com o WGA para que acerimônia possa ser realizada com a ajuda de roteiristassindicalizados. Uma representante da Academia, Leslie Unger, se negou ainformar se os produtores do Oscar vão buscar fechar talacordo, como foi feito na segunda-feira com o Critics ChoiceAwards, um evento de peso menor que o Oscar. Ela disse que o trabalho de redação do roteiro e produçãoda cerimônia geralmente não começa até após o anúncio dosindicados ao Oscar, que este ano terá lugar em 22 de janeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.