ESTEVAM AVELLAR/DIVULGAÇÃO
ESTEVAM AVELLAR/DIVULGAÇÃO
Imagem Cristina Padiglione
Colunista
Cristina Padiglione
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Personagens de 'Além do Tempo' voltam em outra vida

Cristina Padiglione, O Estado de S. Paulo

08 de outubro de 2015 | 03h00

Os anos se passam e agora a Condessa Vitória se permite atender apenas por “Vitória”, com outro penteado e figurino, como endossa a foto ao lado. A coluna antecipa em primeira mão a caracterização de Irene Ravache na nova etapa de Além do Tempo, novela das 6 da Globo, que dá um salto para a época contemporânea a partir do capítulo que vai ao ar no dia 20. No conceito “espiritual”, termo defendido pela autora Elizabeth Jhin, a trama relaciona passado e presente por meio dos mesmos atores, agora relacionados por novos laços. Vitória se torna mãe de Emília (Ana Beatriz Nogueira), a odiada nora do passado. A nova personagem de Irene também terá sido casada com Alberto, italiano vivido por Juca de Oliveira. E é cunhada de Zilda (Nívea Maria), a fiel governanta na trama de época. 
Duas cidades cenográficas surgem na nova etapa, sem perder de vista o contexto do sul do País. A principal é a fictícia Belarrosa, idealizada pela cenógrafa Anne Bourgeois como se fosse um centro histórico tombado. Tem 3.500 metros quadrados e abriga 20 prédios, como o bar do hotel, a agência de turismo e a loja de Zilda, com cenários interiores. Na outra cidade cenográfica moram Zilda e Felipe (Rafael Cardoso). Para criar a tal ideia de déjà vu, a cenógrafa também selecionou objetos da fase antiga para a atual. O relógio da casa da condessa, por exemplo, vai aparecer em outro local. A vitrine da loja de Zilda será recheada de peças antigas. Quase tudo foi planejado e concebido lá no início da novela, quando o século, na história, ainda era outro.
O ‘Papo de Mãe’, bom programa comandado por Mariana Kotscho e Roberta Manreza, pela TV Brasil, muda de horário a partir deste domingo. Sai das 15h30 e vai para as 12h30.
Faz 6 anos que o Papo de Mãe coleciona histórias de maternidade, com quase 300 temas já debatidos.
Campanhas pelos 50 anos da Globo estão entre os 17 trabalhos que colocam a emissora na final da PromaxBDA Latin America Awards, premiação de chamadas, em 11 categorias. As aberturas de I Love Paraisópolis e Chapa Quente também estão entre os finalistas. 
A GloboNews tem duas indicações ao Promax: uma chamada sobre a retomada das relações entre Cuba e EUA para o Jornal das Dez e o anúncio da exibição de documentários sobre o Estado Islâmico.
Susana Vieira pode se orgulhar da onça que decora a sala de sua Adisabeba em A Regra do Jogo. Do estudo à execução, o escultor Zé Vasconcellos consumiu dois meses e 60 quilos de material reciclado na obra, feita de aço inox com soldas, moedas, molas e parafusos. 
A Record rufa tambores para anunciar que bateu a audiência do Jornal Nacional no berço da Globo, o Rio: nessa terça, a novela Os Dez Mandamentos venceu o noticiário por 22,9 a 22,6 pontos. No arredondamento feito pelo Ibope Kantar Media, os dados serão puxados para o empate de 23 pontos.
A Globo ressalta que o placar não se estendeu a São Paulo, onde o JN venceu Os Dez Mandamentos por 23,6 a 20 pontos.
De todo modo, nunca, antes de Dez Mandamentos, verificaram-se distâncias tão curtas entre a Globo e outra emissora nesse horário.
37 humoristas, a começar por Maurício Meirelles, compõem o time do ‘Comedy Central Stand Up’, nova franquia do canal Comedy Central, 100% nacional. Estreia sexta, dia 9, às 23h
O Porta dos Fundos recebeu aval da Ancine para captar até 31 de dezembro deste ano o valor total de R$ 7,33 milhões para o primeiro filme do grupo, Contrato Vitalício, a ser rodado em 2016.
“Já tive a fase de querer ser magra. Hoje, estou feliz. Para mim, padrão de beleza é o corpo da Sabrina Sato, saudável.” Fernanda Souza À REVISTA ‘BOA FORMA’ DE OUTUBRO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.