Patrícia Villalba, O Estado de S.Paulo

16 de maio de 2009 | 23h19

Ao que parece, a "vendetta" de Tony Castellamare (Gabriel Braga Nunes) foi cumprida no capítulo de segunda-feira da eletrizante Poder Paralelo: o senador Ari, o misterioso "capo dei capi" que teria ordenado o assassinato que terminou com a morte da família do bonitão, levou um tiro na testa. Morte em grande estilo, grande cena. "Eu sou um cão velho, mas tenho bom faro", diz o capo. Já a tal vendetta de Castellamare ficou um tanto prejudicada - e a trama embolou de vez, oba! O tiro não saiu da arma do ambíguo mocinho, mas de Tucci (Roberto Birindelli), que segue roubando a cena.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.