Reprodução de MTV (1981)
Reprodução de MTV (1981)

MTV: Estreia do canal revolucionou TV dos EUA há 40 anos

Emissora foi ao ar pela primeira vez em 1º de agosto de 1981, quase uma década antes de sua versão nacional, a MTV Brasil

André Carlos Zorzi, O Estado de S.Paulo

30 de julho de 2021 | 20h00

O canal original da MTV nos Estados Unidos completa 40 anos da primeira vez em que foi ao ar neste domingo, 1º de agosto. A proposta inovadora para 1981 rendeu frutos e diversas filiais espalhadas pelo mundo, como a icônica MTV Brasil, além de uma série de premiações, como o MTV VMA e o MTV Miaw, além dos conhecidos Acústicos MTV.

A primeira transmissão da história do canal começou com o vídeo de um lançamento de foguete. Após a contagem regressiva e lançamento, a imagem cortava para um astronauta na lua. Em vez da bandeira dos Estados Unidos fincada em solo lunar, porém, constava uma com o logotipo piscante da nova emissora e a inscrição "Music Television". O narrador anunciava: "Ladies and gentlemen, rock'n'roll" ("Senhoras e senhores, rock'n'roll").

Na sequência, foi exibido o primeiro videoclipe da história da emissora, Video Killed The Radio Star, da dupla britânica The Buggles. Ao término, uma nova mensagem.

"No começo, havia a música. Mas não havia ninguém à volta para ouvir. Conforme a população crescia em quantidade, a música crescia em popularidade. O homem inventou o rádio. E o fonógrafo. Mas foi o som estéreo que causou a explosão. Logo, a televisão surgiu e nos deu o dom da visão. Mas foi o cabo que nos deu a liberdade de escolha. Por algum tempo, parecia que não havia nada novo entre você e o horizonte. Anunciamos a novidade do entretenimento caseiro, o poder da visão e o poder do som: MTV, Music Television", disse o narrador.

Na sequência, foi exibido o clipe da música You Better Run, de Pat Benatar. Em seus primeiros momentos de existência, era comum se deparar no canal com clipes de artistas como Ramones, The Pretenders, Rod Stewart, Hall & Oates, Iron Maiden, The Who e Phil Collins. Com o próprio nome indicava, a tendência era que os vídeos e programas musicais fossem o foco, muitas vezes voltados ao público jovem.

Em 1984, surgiu a primeira grande premiação promovida pelo canal, o MTV VMA (sigla para Video Music Awards). As estatuetas eram inicialmente um astronauta fincando um mastro com o logotipo da MTV, semelhantes à primeira vinheta exibida pelo canal. No palco, apresentaram-se na estreia cantores como Madonna, David Bowie, Tina Turner e Rod Stewart.  

O prêmio de Clipe do Ano era considerado o principal da noite, e o grupo The Cars foi o primeiro a levar um, graças à música You Might Think. Ao longo das décadas, outros grandes nomes da indústria musical também foram premiados na categoria, como Dire Straits, Van Halen, Pearl Jam, Aerosmith, Madonna, Eminem, Outkast, Green Day, Britney Spears, Beyoncé, Lady Gaga, Miley Cyrus, Taylor Swift, Camila Cabello e The Weeknd.

Ao fim daquela década, em 1989, surgiu o MTV Unplugged (que originaria o Acústico MTV anos depois no Brasil), que trazia uma proposta de shows com instrumentação diferente - em vez de teclados e guitarras, usavam-se pianos e violões, por exemplo. Entre os artistas que gravaram versões para o programa estiveram nomes de variados gêneros e gerações, como Nirvana, Pearl Jam, Eric Clapton, Mariah Carey, Roxette, Duran Duran, Lenny Kravitz, Bob Dylan, The Cranberries, Bruce Springsteen, Oasis, Kiss, Metallica, Shakira, Jay-Z, Coldplay, Amy Winehouse, Bon Jovi, Korn, Katy Perry, Lil Wayne, Miley Cyrus e BTS.

A MTV norte-americana foi um dos principais canais a investir em reality shows na década de 1990. O primeiro exibido pelo canal foi The Real World, em 1992. O programa reunia sete jovens de diferentes estilos em uma mesma casa em Nova York e filmava seu dia a dia. Entre as cenas de conflitos, muitas vezes gravadas de ângulos pouco usuais para a TV, eram mostrados também depoimentos gravados individualmente com cada um expondo sua visão sobre os fatos. Nos anos mais recentes, os realities continuaram sendo uma das prioridades da emissora e alguns chegaram a ganhar versões brasileiras, como o De Férias com o Ex e o Catfish.

Nos anos 1990 a emissora produziu uma série de animações, como Beavis and Butt-Head, protagonizada por dois jovens cabeçudos, ou as fictícias brigas entre famosos em Celebrity Deathmatch. Vale lembrar que a MTV Brasil também chegou a seguir esses passos e criou alguns desenhos próprios nos anos 2000, como o Megaliga MTV de VJs Paladinos e Fudêncio e Seus Amigos.

Com o passar dos anos, a programação foi se adaptando à modernidade. Com o crescimento da internet e principalmente do YouTube, os espaços dedicados aos clipes se tornaram cada vez mais escassos. As músicas e artistas presentes na programação também se adaptaram aos ritmos populares de cada momento.

MTV Brasil

A Music Television demorou quase uma década para chegar ao Brasil - apesar de que, em 1986, por exemplo, o MTV Awards foi exibido pelo canal Bandeirantes. A MTV Brasil fez sua estreia em 20 de outubro de 1990 (clique aqui para relembrar como foi a primeira programação).

De início, a emissora era conhecida como TV Abril, por pertencer ao grupo de mesmo nome. Estima-se que tenham sido investidos cerca de 1,8 bilhão de cruzeiros, então o equivalente a 20 milhões de dólares, para o lançamento do canal. "Nosso projeto é ser a primeira emissora no país a ficar 24h no ar, como faz a MTV [dos Estados Unidos]", prometia Roger Karman, então vice-presidente corporativo da Abril. À época, a emissora ficava disponível somente entre 12h e as 2h da manhã do dia seguinte.

O Brasil também teve seus próprios VJs. Entre os apresentadores marcantes que passaram pelo canal, constam nomes como Marcos Mion, Fernanda Lima, João Gordo, Marina Person, Marcelo Tas, Adriane Galisteu, Astrid Fontenelle, Penélope Nova, Luiz Thunderbird, Cuca, Gastão, Cazé Peçanha, Daniella Cicarelli, Kid Vinil, Rita Lee, Lobão. A MTV Brasil também alçou diversos humoristas, como Marcelo Adnet, Tatá Werneck, Dani Calabresa, Daniel Furlan, Caito Mainier e o grupo Hermes e Renato.

A 'antiga MTV Brasil', porém, chegou ao fim em 2013, sendo relançada na TV a cabo em 2014, desta vez pertencendo exclusivamente ao conglomerado Viacom International, dono da própria MTV dos Estados Unidos, realizando inúmeras mudanças na programação desde então.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.