MTV cria sua 2ª pele. E exporta

Sabe esse celular que está no seu bolso? Então, para a MTV ele é um controle remoto. Imagine o videoclipe da Beyoncé. No canto da tela da TV, pipoca o ícone de um telefone, com um número para o envio de mensagem de texto, o SMS. O telespectador pode receber em seu aparelho uma curiosidade sobre o clipe. Ou uma foto da cantora. Futuramente, espera-se, baixar a música e o próprio vídeo que está no ar.

Gustavo Miller, O Estado de S.Paulo

16 de maio de 2009 | 23h21

Esse é o Second Skin, da MTV Brasil. A segunda pele faz parte da nova "filosofia digital" da music television. Da programação, 80% já tem a novidade. Em junho, serão 100%. Segundo Zé Wilson, diretor geral da MTV, desde janeiro a emissora recebeu 2 milhões de SMS. "A ideia é que o público se relacione com o editorial. É conteúdo colaborativo dentro da TV."

A mensagem de texto dá um bom retorno. O SBT prioriza a produção de SMS para celular, afinal, quando Esquadrão da Moda vai ao ar uma média de 40 mil pessoas usam o teclado de seus telefones para pedir dicas exclusivas de como se vestir. Após o pedido, entra-se num banco de dados do SBT. "Isso fideliza o público, que diariamente recebe algo que não está no programa", comenta Daniel Kaestli, executivo de Interatividade do SBT.

Isso sem dizer que também há aí uma boa fonte de renda. A MTV, que já exporta o Second Skin para as MTVs do planeta, montou um case para utilizá-lo nos breaks comerciais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.