REUTERS/Danny Moloshok/File Photo
REUTERS/Danny Moloshok/File Photo

Morre o ator canadense Alan Thicke, de 'Tudo em Família', aos 69 anos

Mais recentemente, Thicke ainda participou de séries como 'How I Met Your Mother', 'Fuller House' (da Netflix) e o drama da NBC 'This Is Us'

AP

14 Dezembro 2016 | 08h31

LOS ANGELES - O amado ator canadense Alan Thicke morreu nesta terça-feira, 13, aos 69 anos, de um ataque do coração.

As credenciais do papai de TV de Alan Thicke estavam garantidas nos anos 1980 com a série Tudo Em Família. Seu Dr. Jason Seaver era um pai carinhoso e um marido esclarecido. Mas o personagem também fez parte de um novo grupo de protagonistas de séries que voltavam ao núcleo familiar mais tradicional. Entre seus companheiros de tela, estavam Kirk Cameron e Leonardo DiCaprio (por uma temporada).

"Eu passei de segunda a sexta-feira de sete anos importantes com Alan Thicke como meu 'pai de TV", disse Cameron em uma nota. "Estou chocado e realmente com o coração partido com as notícias de sua morte. Alan era um homem generoso, bom e amável. Eu sou muito abençoado de ter crescido com ele."

Várias outros artistas e celebridades lamentaram a morte do ator. "Eu cresci vendo-o na TV e o conheci por meio de Robin (Thicke, seu filho, cantor). Ele era tão bom", escreveu John Legend no Twitter.

William Shatner e Anne Murray, também do Canadá, prestaram homenagens nas redes sociais.

Thicke nasceu em Ontario em 1947, e foi indicado a três prêmios Emmy por seu trabalho como escritor no fim dos anos 1970. Talvez sua maior investida no mercado dos EUA foi promover um talk show, no início dos anos 1980, para competir com Johnny Carson.

Mais recentemente, Thicke ainda participou de séries como How I Met Your Mother, Fuller House (da Netflix) e o drama da NBC This Is Us.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.