Imagem Cristina Padiglione
Colunista
Cristina Padiglione
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Manoelita Lustosa morre em Belo Horizonte aos 72 anos

Atriz estava internada desde sábado, com quadro de pneumonia

Cristina Padiglione, O Estado de S. Paulo

01 de julho de 2014 | 20h22

Manoelita Lustosa ganhou fama como Inês, a avó malvada de Celeste, personagem que revelou Bruna Marquezine para a TV, na novela Mulheres Apaixonadas, em 2003. No enredo de Manoel Carlos, maltratava a simpática garotinha, que perdia a mãe (Fernanda/Vanessa Gerbelli) precocemente, vítima de bala perdida, e não conhecia a identidade do pai (Téo/Tony Ramos) até o último capítulo.

Manoelita tinha 72 anos e morreu na manhã desta terça-feira, 1°, no Hospital Mater Dei, em Belo Horizonte, onde estava internada desde sábado, com quadro de pneumonia. A causa da morte foi insuficiência respiratória.

O enterro será no Cemitério Parque da Colina, na capital mineira. Após Mulheres Apaixonadas, Manoelita foi contratada pela Record, onde realizou seus últimos trabalhos. Foi Terezinha Cho em Dona Xepa, ainda no ano passado, seu último papel. Esteve em Balacobaco (2012) como Etelvina Pedrosa, em Vidas em Jogo (2011) como Nelize, em Poder Paralelo (2009) como Lurdes e em Amor e Intrigas (2007) como Telma. Querida pelos colegas, Manoelita deixa três filhas e seis netos. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.