DIVULGAÇÃO
DIVULGAÇÃO
Imagem Cristina Padiglione
Colunista
Cristina Padiglione
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Gfk começa a trabalhar seus números de audiência no mercado publicitário

Mana. Roberta Estrela D’Alva, que se apresenta como “atriz-MC”, diretora teatral, cantora, compositora, diretora musical, pesquisadora, ativista e slammer, é a nova apresentadora do Manos e Minas, da TV Cultura, que estreia reformado em novo horário, sábado, 25, às 19h.Babilônia’, novela de Gilberto Braga, Ricardo Linhares e João Ximenes Braga, será exibida pelo STV, de Moçambique, considerado o principal canal aberto do país. A trama já foi vista em Portugal e no Uruguai.Uma edição do ‘Bem Amigos’ especial será promovida durante a feira da Associação Brasileira de TV por Assinatura (ABTA), a partir do dia 29, em São Paulo. A apresentação será de Luiz Carlos Jr. e a mediação, de Joanna de Assis. Os convidados são ex-atletas como Flávio Canto, Nalbert e Raul Costa Jr.Para quem acha que 'Velho Chico' consome muito dos cofres da Globo: não é que a novela custe uma pechincha, mas maior parte do material usado para compor o bar de Chico Criatura (Gásio Amadeu), por exemplo, a decoração das festas na cidade e outros cenários, vem de material descartado.Ali tem axita, cabides,renda sisal, botões, argolas de madeiras, sobras de cortinas velhas, grade de ventiladores, tubo de papel-toalha, carretel, embalagens, tecidos, sucatas, sobras de trabalhos, galhos que caem das árvores, cristais, bolsas e carteiras de tecidos, bucha vegetal para fazer bonecos, restos de vassoura, pincel, tudo enfim que dê movimento.Aliás, está prevista para hoje, 15, a retomada do romance caliente entre Santo (Domingos Montagner) e Teresa (Camila Pitanga).Aguinaldo Silva já tem data de estreia para sua próxima novela na Globo: 23 de março de 2018, na faixa das 21h. O autor já começa a trabalhar na construção de alguns personagens.A Band foi vice-líder na prévia de audiência do horário de exibição de Portugal X Islândia, pela Eurocopa, na tarde da terça, 14, com 6,7 pontos, ante 11,4 da Globo e 6,1 da Record, em São Paulo. 

Cristina Padiglione, O Estado de S. Paulo

15 de junho de 2016 | 03h00

Instituto alemão que há três anos vem trabalhando na montagem de um painel para medir audiência de TV, fazendo frente ao Kantar Ibope Media, o Gfk começará a apresentar ao mercado publicitário seus primeiros números oficiais ainda em julho. O que já se sabe é que a diferença entre os índices aferidos pelo Gfk e pelo Ibope, nas mesmas 15 regiões do País, é muito pequena, com decimais que esbarram em margens de erro. A RedeTV!, cuja oscilação depende muito dos decimais, tem aparecido nas pesquisas da Gfk com audiência menor que no Kantar Ibope. Nem os moradores de favelas, presentes na mostra da Gfk e ausentes nas do Kantar Ibope, têm provocado alterações significativas.

10 anos sem Bussunda
motiva especial em tributo ao humorista no Viva, amanhã, às 22h. O canal reprisa edição feita pela Globo após sua morte, em 2006, e ouve depoimentos dos ex-cassetas
“Quando se fala em meritocracia, é preciso entender que a desigualdade de oportunidades na largada é muito significativa”
Flávio Canto NO ‘DIÁLOGOS ESPERANÇA’, DEBATE EM NOME DO CRIANÇA ESPERANÇA, NO AR SÁBADO, NA GLOBONEWS, ÀS 21H05

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.