Estevam Avella/Divulgação
Estevam Avella/Divulgação

'Fantástico' transforma-se em reality show

Telespectador acompanhará dia a dia do programa dominical a partir de 27 de abril

João Fernando, Rio - O Estado de S. Paulo

14 de abril de 2014 | 17h09

Conhecido por ser um programa jornalístico, o Fantástico ganhará ares de reality show a partir do dia 27 de abril. A revista eletrônica da Globo terá novo cenário, em que o estúdio passa a ser integrado à redação em um espaço de 500m2. Além das reportagens, quadros e séries, a atração vai mostrar os bastidores.

 

“A redação não vai ser só cenário, a gente vai mostrar o processo durante a semana. O telespectador vai viver o nosso dia a dia”, explica a apresentadora Renata Vasconcellos, que continua a dividir o comando com Tadeu Schmidt.

 

As reuniões de pauta e a produção de parte das reportagens serão mostradas na TV e na internet. O Fantástico terá ainda shows acústicos curtos no meio da edição no mesmo lugar onde os apresentadores. A estrutura do programa, porém, permanece. “O Fantástico está mudando só o formato de apresentação. Não é mais aquela coisa formal”, explica o diretor Luiz Nascimento.

 

Há 40 anos no ar, a atração se mantém na liderança, mas amarga queda de audiência na última década. No ano passado, chegou a marcar 16 pontos (cada ponto equivale a 65 mil lares na Grande SP).

 

Há cerca de duas semanas, imagens do novo formato do programa foram parar na internet. “Foi deplorável. Trata-se de um crime de furto de conteúdo, que terá conseqüências legais”, avisa o diretor. Até o momento, a emissora ainda não encontrou o responsável por divulgar os vídeos mantidos sob sigilo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.