Eu acho que vi um gatinho!

Não se engane. Aqueles olhos que piscam inocentes e o jeitinho meigo do bordão "eu acho que eu vi um gatinho" disfarçam o lado perverso de Piu-Piu. Aparentemente frágil, o passarinho fica lá, cantando e balançando em sua gaiola, mas sempre acaba provocando o instinto animal de Frajola. Na tentativa de caça, o gato nunca consegue se safar do pior final: apanhar, e muito, de sua dona, a Vovó, que também cuida do Buldog Hector, guarda-costas de Piu-Piu. Essa eterna briga, sucesso do desenho, poderia ter sido evitada em 1947, quando Frajola e Piu-Piu, que tinham cada um seu próprio desenho, participaram pela primeira vez de uma animação juntos. A união entre os dois era tão forte que Frajola era dublado por Mel Blanc, o mesmo do Pica-Pau, Coiote e... Piu-Piu. Blanc era conhecido como o homem das mil vozes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.