Nick Ut/AP - Arquivo
Nick Ut/AP - Arquivo

Em entrevista confusa, Charlie Sheen diz que série vai voltar

Ator afirma estar convencido de que 'Two and a Half Men' não acabou

Estadão.com.br

04 de março de 2011 | 16h13

Charlie Sheen afirmou nesta sexta-feira que está "absolutamente" convencido de que a série Two and a Half Men vai voltar a ser gravada. Na entrevista concedida a uma rádio da Filadélfia, o problemático ator afirma que faltam apenas "alguns ajustes". Porém, não há qualquer indicação da rede de TV CBS ou dos produtores da série nesse sentido.

 "Absolutamente, o show vai voltar, e eu tenho muita fé nisso. Não esperança, porque esperança é para otários", disse. "Eu nos vejo de volta ao ar, com alguns ajustes, claro. E dando para as pessoas não só aquilo que elas querem, mas o que elas merecem, que é lealdade", completou.

"Acho que estamos próximos de algo, mas não quero falar o que é", disse à rádio. Segundo o site The Wrap, a equipe de reportagem conseguiu a entrevista sobrevoando a mansão de Sheen em Bervely Hills com um cartaz pedindo a entrevista.

Veja também:

link Charlie Sheen alcança 1 milhão de seguidores no Twitter em um dia

A entrevista segue confusa. "É como se águas termais estivessem prontas para brotar da Terra Média e dizer 'aqui está, recebam este homem, recebam este homem'", disse, com uma referência ao local fictício das histórias de J. R. R. Tolkien. Bem humorados, os apresentadores da rádio perguntaram se o 'homem' seria Chuck Lorre, ou se o produtor o receberia, o que ele respondeu que seria impossível.

Os comentários de Sheen surgem após mais uma semana de tensão entre ele e os produtores da série. Na segunda-feira, seu advogado exigiu da Warner que o ator seja pago pelos oito episódios cancelados. A Warner concordou em pagar apenas à equipe por quatro episódios. Caso a exigência fosse aceita, Charlie Sheen receberia US$ 16 milhões.

A série teve um período de pausa em 28 de janeiro, quando o ator foi afastado para tratar seu problema com as drogas, mas foi cancelada menos de um mês depois por causa de uma outra entrevista de rádio, em que Sheen ofende o criador da atração, Chuck Lorre.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.