Ele tem medo de quê?

O Sam de Supernatural fala sobre a fantasia do seriado e conta que o desconhecido o assusta

Etienne Jacintho, O Estado de S.Paulo

19 de julho de 2008 | 23h04

Jared Padalecki ficou famoso com Gilmore Girls. Ele era Dean, o namoradinho de Rory (Alexis Bledel). Mas o garoto cresceu e bem - assim como todos os casos de Rory, vide Milo Ventimiglia (Heroes). Agora, o bonitão está em Supernatural (Warner/SBT), série em que combate seres míticos e fantásticos ao lado do ator Jensen Ackles. "Quando começamos a série, os roteiristas falavam que havia um aspecto que eles queriam manter: os sustos", contou Jared, em Londres. Na sua opinião, por que as séries com temas sobrenaturais conquistam fãs tão fiéis?Acho que o sobrenatural é uma maneira divertida de sair da realidade. De uma certa forma, é um espelho dos problemas atuais - em um estágio mítico, fantástico. Acho que é possível explorar problemas do mundo real de um jeito divertido. É bizarro. Qual é a pior parte de interpretar Sam? A TV tem esse esquema: em um episódio, os roteiristas dão uma dica da alma do personagem e você pensa: "Que bom, é algo para desenvolver." E, no próximo, já é outra coisa (risos). Tudo muda. É difícil não saber o que virá e para onde o personagem vai. O que te assusta? Sei que é muito geral, mas o desconhecido me assusta.Você e Jensen trabalham juntos desde 2005. Como é a convivência? Vocês saem juntos? Sim. Somos muito parecidos. Acho que de todos com quem já trabalhei, Jensen é o mais parecido comigo. Temos os mesmos interesses, gostamos do mesmo tipo de música...

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.