Dublagem cretina

Quem foi o gênio que decidiu dublar e legendar ao mesmo tempo os episódios dos seriados da Fox? A idéia é tão boa quanto o redesenho do camelo: fica pior a cada tentativa. Já viram? O dublador vê a versão original em inglês de uma forma, o encarregado das legendas faz isso de outra maneira - e o pobre assinante, que paga bem caro pelo pacote, ouve o ator dizer uma coisa e lê um texto diferente nas legendas. Na prática isso resulta no modelo mais eficiente de protesto: as pessoas estão apenas trocando de canal - baixando rápido a audiência e, claro, criando frustração entre anunciantes. É assim que se faz. Em contrapartida, o seriado brasileiro Mandrake recuperou no segundo episódio, exibido domingo passado, a qualidade perdida na estréia, uma semana antes. Um roteiro competente associado a atores empenhados - Marcelo Serrado vivendo o policial Raul merece mais espaço - deu vida real à trama do empresário influente, bichona e pedófilo enrustido. Hoje tem mais (HBO, 22h). Bom número de leitores quer saber quando voltam em novas temporadas os diversos C.S.I e o cult Dexter. Dá para alguém informar? Chegam elogios a Pesca Mortal (Discovery, 20h, 6ªfeira), com sugestão de revisão para o horário (6h, sábado) da reprise.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.