Divulgação
Divulgação
Imagem Cristina Padiglione
Colunista
Cristina Padiglione
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Discovery estreia a faixa ‘Domingos Extremos’

Com série sobre brasileira que treinou com o exército colombiano, canal traz cenas de perder o fôlego

Cristina Padiglione, O Estado de S. Paulo

25 de abril de 2015 | 16h00

É sempre o caso de se perguntar: por que alguém deixa a sua zona de conforto para escalar o Everest, por exemplo? A brasileira Karina Oliani não vive sem essa adrenalina. Protagonista de Missão Extrema, primeira série de Domingos Extremos, faixa temática que estreia neste domingo, 26, no Discovery, Karina é médica com especialização em socorros de resgates em lugares inóspitos. E não só escala montanhas e pratica outros esportes de risco, como trabalha para resgatar e salvar quem se machuca em aventuras similares.

Foi no perfil dela que a produtora Bossa Nova mirou para desenvolver a série que começa hoje, tendo Karina como a primeira mulher a participar do treinamento da tropa de elite do Exército colombiano, na base militar Tolemaida.

Loira, olhos claros, corpo escultural, Karina conta que conquistou o respeito da tropa, tanto ao provar que tem preparo físico para enfrentar os perrengues na selva, como na hora de tomar banho em um estabelecimento sem divisórias. “Eles mesmos se policiavam para que ninguém entrasse no banheiro enquanto eu estivesse lá”, conta. Com biotipo tão feminino, teve de provar logo nas primeiras horas que era capaz de concluir missões planejadas para a força masculina, incluindo carregamento de peso. 

Inicialmente, a Bossa Nova tentou colar no Exército Brasileiro, mas o negócio não foi adiante por desencontro de agendas. Como a tropa colombiana iniciaria uma etapa de treinos no período desejado pela produtora, os próprios fardados brasileiros orientaram a produção a procurar os vizinhos. Além de colocar uma mulher entre eles, havia também o compromisso de não afetar a rotina dos soldados em razão da presença de câmeras.

“Nesta primeira temporada, participo do treinamento de elite do Exército Colombiano, trabalho na extração de madeira certificada operando a motosserra em plena Amazônia, encaro dias de pesca artesanal a bordo de uma jangada no litoral cearense, coleto fezes de aves e guano na costa peruana, ajudo a conduzir uma boiada no Pantanal e ainda enfrento a árdua rotina dos extratores de sal da Bolívia”, conta Karina. A extração do sal foi um momento tenso, quando Karina se viu como única mulher em meio a um imenso clube do bolinha, tendo sua segurança garantida pelos companheiros de tropa.

Sócia e produtora-executiva da Bossa Nova, Denise Gomes menciona que uma produção como essa gera dificuldades muito maiores que a realização de uma série de dramaturgia, onde tudo pode ser perfeitamente roteirizado e previsível. No caso de Missão Extrema, o registro de imagens e todo o acompanhamento de Karina exigiu um nível de precaução fora do comum.

Missão Extrema somará seis episódios, sempre aos domingos, às 20h40. Na sequência, o Discovery trará outras séries à faixa, de produção internacional, mas uma delas mantém conteúdo de interesse local. É o caso de Perdido na Amazônia, comandado pelo ex-tenista e herpetologista espanhol Frank Cuesta, que experimenta sua primeira expedição ao Brasil e percorre trechos da floresta amazônica.

A programação já definida anuncia ainda a série Celebridades À Prova de Tudo, com o especialista em sobrevivência Bear Grylls (de À Prova de Tudo e Sobrevivendo com Bear Grylls). Ele contracena com famosos como os atores Zac Efron, Ben Stiller, Channing Tatum e Tom Arnold, passando um fim de semana com cada um. No roteiro, como manda o título da faixa, tira o convidado de sua zona de conforto e o desafia a provas físicas e mentais. O cardápio inclui rapel, escalada, rafting, captura de animais e insetos para o jantar. Bom apetite. 

Tudo o que sabemos sobre:
Televisão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.