De I Love Lucy a Carrie Bradshaw

Com jeitão de almanaque, livro lista as 'mulheres-maravilha' dos seriados televisivos

Gustavo Miller, O Estado de S.Paulo

13 de setembro de 2008 | 21h38

Apesar de não ter a aparência de um almanaque, algo tão em moda ultimamente, o livro As Maravilhosas Mulheres das Séries de TV, da jornalista Fernanda Furquim, tem jeitão de um, fácil, fácil. Bem ilustrativo, a obra, como o nome já diz, lista as grandes personagens femininas de seriados televisivos que passaram no Brasil. Desde Lucille Ball, a estrela de I Love Lucy, até Carrie Bradshaw, de Sex and the City.Como toda lista, o trabalho vai causar polêmica. A autora apenas coloca mulheres que tiveram histórias centradas nelas, com exceção das produções estreladas por duplas, como Casal 20 e A Gata e o Rato. Exemplo: Fernanda deixa de fora as friends Phoebe, Rachel e Monica, mas inclui a personagem de Courteney Cox Arquette em Dirt, que teve apenas 20 episódios. "Busquei analisar a importância da personagem para o universo feminino e para a própria televisão", diz a autora.A análise do livro começa nos anos 1950 e vai até as produções atuais. Antes de cada década há uma geléia geral do cenário mundial e da televisão da época. Cada série tem uma sinopse, suas curiosidades e uma biografia da atriz destacada. Ao final, Fernanda seleciona apenas produções brasileiras, como Alô Doçura (1953-1964) e Mothern. A pedido do TV&Lazer, a jornalista fez seu "Top Five personagens femininos":1) Lucy Ricardo - I Love Lucy2) Mary Richards - Mary Tyler Moore Show3) Jaime - Mulher Biônica4) Dana Scully - Arquivo X5) Nancy - Weeds.

Tudo o que sabemos sobre:
sériesFernanda Furquim

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.