Chris Bergin/Reuters
Chris Bergin/Reuters

David Letterman sairá do ar em maio de 2015

Apresentador, que há havia falado publicamente sobre sua aposentadoria, está há 21 anos no ar com seu late show

O Estado de S. Paulo

11 Dezembro 2014 | 12h43


Há 21 anos à frente do late show que leva seu nome, David Letterman apresentará a última edição em 20 de maio de 2015, data anunciada esta semana pela CBS, rede norte-americana em que a atração é produzida. O apresentador está na função desde 30 de agosto de 1993. 

No começo deste ano, Letterman declarou que havia conversado com a direção da emissora sobre sua saída. "O homem que é dono desta emissora, Leslie Moonves, com quem tenho uma relação por anos e anos, conversou comigo no passado. Concordamos que trabalharíamos juntos conforme as circunstâncias. Liguei para ele e disse: 'Você foi ótimo, a emissora foi ótima, mas vou me aponsentar", contou o apresentador, em abril. O norte-americano ganhou cinco estatuetas do Emmy, o Oscar da TV, por causa da programa.

No Brasil, o The Late Show with David Letterman já foi exibido pelo GNT e hoje vai ao ar pela Record News, de segunda a sexta, às 23h30. As entrevistas são transmitidas dois dias após a exibição nos Estados Unidos, para que as legendas sejam preparadas.  Por lá, especula-se que Stephen Colbert, que comanda o Colbert Report no canal Comedy Central, seja o substituto de Letterman.

Veja três entrevistas memoráveis de David Letterman:

Joaquin Phoenix

Barbado e aparentemente sem vontade de ser entrevistado, o ator disse que iria se tornar rapper e confrontou o apresentador. Era uma interpretação que foi para o "documentário" 'I'm Still Here', que retrata a transformação de Phoenix em artista da música. Posteriormente, o ator pediu desculpas a Letterman.

Robbin Williams

O ator, morto este ano, foi criticado por dizer no programa de Letterman que a escolha do Rio de Janeiro para sediar as Olimpíadas de 2016 se deu porque "o Brasil mandou 50 strippers e meio quilo de pó".

Oprah Winfrey

Há quem diga que Oprah e Letterman são rivais, mas ela esteve por duas vezes em seu programa. A segunda foi esta, em 2013.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.