Marcos Rosa/Globo
Marcos Rosa/Globo

Dança das cadeiras de Huck, Faustão e Marcos Mion renova programas de auditório

Começa neste sábado e domingo uma nova era para os programas de auditório na TV Globo

Eliana Silva de Souza, O Estado de S.Paulo

04 de setembro de 2021 | 05h00

Começa neste sábado e domingo uma nova era para os programas de auditório na TV Globo, fato que deve reverberar na concorrência. Após longo tempo mantendo as atrações em dias e horários fixos e sob a mesma guarda, a emissora coloca no ar suas maiores apostas neste segmento. O remelexo começa neste sábado, 4, com a estreia de Marcos Mion no comando do Caldeirão, horário que se manteve sob a regência de Luciano Huck por mais de 20 anos. E ele troca de dia também, passando para o domingo, a partir de amanhã, 5, e assume o posto que foi de Fausto Silva por 32 anos. Os dois chegam ao posto de destaque da Globo com a perspectiva de dar uma cara mais jovem, com um lado mais humano e diversão variada aos finais de semana. 

Luciano Huck completou 50 anos, nesta sexta, 3, e seu presente já estava bem encomendado. Ele vai comemorar o aniversário da forma que gosta, no palco, e no comando de seu novo programa, o Domingão com Huck. A atração estreia sob seu comando neste domingo, 5, com a tarefa de ocupar um espaço que foi de Fausto Silva. Tarefa árdua, mas que o novo cinquentão do pedaço, marido de Angélica e pai de Joaquim, Benício e Eva, deve tirar de letra com a experiência que adquiriu em sua trajetória pela TV. 

Ao se despedir na semana passada de seu antigo programa, Luciano, sentado no estúdio, disse adeus ao Caldeirão, afirmando que a vida é feita de ciclos: “E esse, que se abriu em 8 de abril de 2000 e se encerra agora, dia 28 de agosto de 2021, foi um ciclo maravilhoso. A gente coloca um ponto final com a sensação de missão cumprida e de muita felicidade”.

Segundo Huck, foram 1.099 sábados dele à frente do Caldeirão. “Eu me transformei durante este tempo. Não estou triste, estou com a sensação bacana de missão cumprida, de ter construído uma marca que as pessoas respeitam, um espaço na TV que a gente tem crédito, que a gente leva a vida inteira para construir, minutos para perder”, continuou o apresentador em seu discurso de despedida.

Destacou ainda que, naquele momento, estava encerrando esse ciclo de sua vida com o cenário vazio, com poucas pessoas ali presentes, mas com muitos conectados digitalmente. “Não estou sozinho aqui, é muito emblemático e estranho também”, disse. “Você me deu o privilégio de entrar em sua casa, compartilhar a forma de ver o mundo, acreditar nas pessoas”, acrescentou Huck, sem esquecer que iria assumir um posto que teve alguém que criou uma marca com sua forma de se colocar e de trabalhar. “Essa marca é um resultado brilhante do meu amigo Fausto Silva nos últimos 32 anos. O Fausto, para mim, sempre foi uma referência muito grande na televisão e poder passar a apresentar o Domingão é uma honra e um orgulho também. A estrada que ele asfaltou, eu posso seguir nela”, mencionou Luciano Huck. 

Nova fase

O Domingão com Huck terá o DNA de Luciano, que dará seu toque em atrações conhecidas, sob a direção artística de Hélio Vargas e direção geral de Clarissa Lopes. É o caso do Show dos Famosos, que traz a disputa entre os participantes para ver quem é o melhor na imitação de cantores (as). Os concorrentes já estão definidos e divididos em três grupos. No A, que abre a competição neste domingo, estão Fiuk, Gloria Groove e Margareth Menezes; Grupo B tem Thiago Arancam, Vitor Kley e Wanessa Camargo; e, no Grupo C, Diego Hypólito, Mariana Rios e Robson Nunes. O júri fixo é formado por Boninho e Preta Gil e, nesta estreia, Xuxa será a jurada convidada.

Mas Huck não deixou para trás uma promessa antiga, o de só terminar o quadro Quem Quer Ser um Milionário? quando alguém conseguisse ganhar o prêmio máximo. Assim, ele dá continuidade ao jogo de perguntas e respostas com o desejo de transformar a vida de alguma pessoa que responda às questões apresentadas. Neste primeiro domingo, o jornalista Wendell Soares, de Minas Gerais, vai encarar o desafio. 

Há ainda a intenção de incluir no Domingão atrações de sucesso do Caldeirão, como Lata Velha, na qual um carro caindo aos pedaços é recuperado, e Visitando o Passado, com um convidado sendo transportado para algum momento marcante de sua vida. 

Além disso, o apresentador trará reportagens especiais, que vão retratar histórias inspiradoras registradas pelos vários cantos do País. A primeira reportagem vai mostrar um senhor, Domingos, que trabalha como porteiro, mas também é cantor, e se considera o “rei do Brega” no interior da Paraíba.

No material de divulgação da emissora, Huck afirma que o “Domingão vai manter a vocação de emocionar e divertir as pessoas nas tardes de domingo. Eu valorizo muito a minha família, então também valorizo o momento em que as pessoas estão do outro lado da tela junto com as famílias delas. Por isso, teremos um programa alegre, divertido, bem-humorado, mas que não se furta de ser um espaço para contribuir com a construção de um futuro melhor”.

Para ele, sua marca na nova atração pode ser notada já no nome escolhido. “Ser o Domingão com Huck e não ‘do Huck’ foi uma decisão pensada. Eu não queria que fosse um programa meu. É um programa nosso, um programa com o Luciano, com a Laura, com a Bárbara, com o João, com a Ana, com todo mundo. É um programa feito para que as pessoas se enxerguem nele.”

Faustão estreia na Band em 2022

Foram 32 anos à frente do Domingão e agora Fausto Silva ruma à nova empreitada. Com estreia marcada para janeiro de 2022, na Band, o apresentador terá pela frente o desafio de elevar e manter a audiência, de segunda a sexta-feira, das 20h30 às 22h, entrando no ar após o Jornal da Band

Ainda sem nome definido, o novo programa de Faustão conta com 100 pessoas em sua produção e, entre os nomes confirmados que integram sua equipe, estão o diretor Cris Gomes, Luciana Cardoso, sua mulher e diretora de criação, e ainda sua irmã, a jornalista Leonor Corrêa, que deve assumir uma parte da edição. 

Em fase de produção e planejamento, o programa de Faustão será feito nos estúdios da Band e, para isso, os locais estão passando por reformulação e adaptação para conseguir atender às necessidades da atração e de seu apresentador. 

Com uma longa trajetória profissional, Fausto Silva começou essa jornada pelas ondas do rádio, como repórter esportivo de uma emissora na cidade de Araras, no interior de São Paulo. Continuou por algum tempo nessa área, e, em 1969, aceitou convite de Blota Júnior, veio para a Capital e passou integrar a equipe de reportagem em telejornal da então TV Record. 

Seria nos anos 1980 que Faustão daria início ao trampolim para conquistar um lugar de destaque na TV. No início de 1983, ele se uniu a Osmar Santos e Juarez Soares na apresentação do programa de rádio Balancê, que contava ainda com a participação dos humoristas Nelson “Tatá” Alexandre e Carlos Alberto “Escova”. O sucesso da atração o levou à criação do Perdidos na Noite, o programa de TV, que estrearia em 1984, na Gazeta. 

No mesmo ano ainda, em setembro, o Perdidos na Noite migrou para a TV Record. E, em 1986, a atração foi levada para a TV Bandeirantes. Marco na história da televisão no Brasil, o Perdidos, apesar de ser exibido sempre em horário avançado, conquistou o público com os convidados e a interação com a plateia, sempre muito ativa e levando junto o programa com o apresentador. 

E foi em 26 de março de 1989 que Fausto Silva chegou à Globo e deu início ao Domingão do Faustão, permanecendo no ar e sob seu comando por tão longo período. 

Marcos Mion inicia nova fase na carreira

Desde que anunciou sua saída da TV Record, no começo do ano, e assinou contrato com a Globo há pouco tempo, Marcos Mion tem demonstrado o quanto está exultante com sua conquista. Foram fotos posando com o crachá da nova emissora no pescoço e até uma festa-surpresa que sua família fez para comemorar sua chegada ao ponto que almejava. Em suas redes sociais, o apresentador divertiu seus seguidores e não se fez de rogado, filmando tudo o que estava passando com ele ao chegar à nova casa, inclusive um vídeo mostrando sua primeira visita ao complexo da empresa. 

Com toda empolgação e vibração características dele, Mion assume o Caldeirão neste sábado, 4, com a promessa de fazer a diferença, e estará no comando da atração até dezembro. O que virá depois, nada ainda foi explicado. E o que se comemora também é que o programa será o primeiro a contar com a presença de público, com todos vacinados e testados.

Com direção artística de LP Simonetti, direção geral de Geninho Simonetti e direção de gênero de Boninho, o programa terá quadros novos e variados, mas herda alguma coisa da antiga atração, que ganha nova roupagem. Entre os quadros que estreiam, tem o Sobe o Som, no qual duas duplas de famosos são desafiadas a adivinhar músicas conhecidas ouvindo apenas partes das melodias. A ideia não é nova, mas Mion aposta no quadro, que conta com uma banda fixa comandada pelo ator Lúcio Mauro Filho. Na estreia, a disputa será entre as duplas formadas por Tiago Leifert com Ana Furtado e Larissa Manoela com seu amigo Ramón Amorim. 

Outro quadro é o Isso a Globo Mostra, em que cenas emblemáticas da programação da emissora são comentadas pelo apresentador, sempre com bom humor. Na seleção, episódios garimpados no arquivo da Globo ou ainda fatos recentes. A ideia do apresentador é divertir o público com o que foi relevante durante a semana e que repercutiu de alguma forma, merecendo ser destaque. E tem ainda o novo Mamãe, Tô na Globo!, inspirado no próprio Mion e sua empolgação com a entrada na emissora. Nele, o público é chamado a participar, encaminhando vídeos e fotos com alguma performance – canto, dança, atuação ou mesmo preparar alguma receita na cozinha. 

No novo Caldeirão, uma atração do antigo programa será mantida, claro que com detalhes renovados. Trata-se do Tem ou não Tem, com uma nova roupagem. Agora, o quadro vai contar com a participação de celebridades, suas famílias e amigos, que concorrem ao prêmio de R$ 30 mil. Neste primeiro programa, Paulo Vieira e Juliana Paes são os convidados. 

Casado com Suzana Gullo, com quem tem três filhos – Romeo, Donatella e Stefano –, Marcos Mion garante que seu objetivo no Caldeirão será proporcionar “alegria, alto-astral, risadas, ritmo, diversão, um tanto de loucura e a felicidade que cai bem num sábado à tarde”, como afirma o apresentador em material da emissora encaminhado para a imprensa. 

Além de estar na tela da Globo, Marcos Mion também terá seu espaço no Multishow, onde chegou diante de recepção festiva, com direito a tapete vermelho e boas-vindas desejadas pela colega e amiga Didi Wagner.

No canal por assinatura, o novo contratado ainda está em fase de desenvolvimento de diversos projetos, que devem estrear ano que vem. Estão na lista um reality, que ele começa a gravar ainda este ano, um programa semanal, e também sua participação em transmissões de festivais, como será o caso do Rock in Rio. E ele já gravou sua participação no programa Lady Night, de Tatá Werneck.

Tudo o que sabemos sobre:
Luciano HuckMarcos MionFausto Silva

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.