Com 'Velho Chico', Globo quebrará ditadura de 13 anos de novela contemporânea urbana
Imagem Cristina Padiglione
Colunista
Cristina Padiglione
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Com 'Velho Chico', Globo quebrará ditadura de 13 anos de novela contemporânea urbana

O adiamento de Sagrada Família, enredo político de Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari na sucessão da novelas das 9 da Globo, atende a uma precaução pela legislação eleitoral em 2016. Já a escolha por Benedito Ruy Barbosa para o horário coincide com uma pausa que parece conveniente ao desgastado cenário urbano contemporâneo, que domina a novela das 9 há 12 anos – a última vez que aquele cartão postal exibiu ritmo adverso foi justamente com Esperança, em 2003, do mesmo autor. Desde sempre planejada para a faixa das 18h, Velho Chico se ocupa dos dilemas às margens do Rio São Francisco. Agora, o diretor Luiz Fernando Carvalho define, em caráter de urgência, as primeiras gravações na região.

Cristina Padiglione, O Estado de S. Paulo

05 de outubro de 2015 | 20h50

Na trilha da estatueta. A apresentadora Luitha Miraglia, do MTV MÓV3L, conversa com Camila Mardila sobre o filme Que Horas Ela Volta?, de Anna Muylaert, e cinema, de modo geral, para o programa que vai ao ar dia 18. O Titã Paulo Miklos e a banda Fly também fazem parte da edição, que foi gravada no Museu do Imigrante, em São Paulo.

31 
vitórias sobre o SBT registrou a ‘Hora do Faro’, de Rodrigo Faro, este ano, pela Record. Isso representa 78% das 40 disputas travadas nas tardes de domingo
"Por que o autor é o dono e único senhor da novela? Porque só ele sabe os segredos das tramas e onde é que elas vão terminar.” Aguinaldo Silva, AUTOR DE ‘IMPÉRIO’, INDICADA AO EMMY INTERNACIONAL DE TELENOVELA
O Brasil tem mais 3 indicações entre os finalistas nas rodadas do Emmy Internacional. Além de Império, como novela, a Globo emplacou outra indicação a Fernanda Montenegro, vencedora do prêmio de melhor atriz em 2012, de novo pela dona Picucha, de Doce de Mãe.
Coprodução da Globo com a Casa de Cinema de Porto Alegre, Doce de Mãe, dessa vez, também concorre na final, como série de comédia. Quando rendeu o prêmio à atriz, o título havia sido produzido só como especial de fim de ano.
E a HBO Latin America leva, do Brasil, à final, a indicação de Emílio de Mello como melhor ator, pelo psicoterapeuta Carlo Antonini da série Psi, de Contardo Calligaris.
O ‘Tomara que Caia’ pode permanecer nas noites de domingo até o final de novembro. A Globo ainda define os rumos do horário, sem perspectivas de uma nova produção própria para a faixa. 
Por falar em noites de domingo, a Globo ainda não acertou a compra de direitos para mais uma temporada do SuperStar, o reality show de bandas que já ocupou o horário por duas temporadas. 
Você Decide Kids: Para celebrar o Dia das Crianças, a Globo promove uma Sessão da Tarde interativa na segunda-feira, dia 12. O público poderá escolher entre UP – Altas Aventuras, lindamente dublado por Chico Anysio, e Madagascar 2. A votação será aberta na quinta-feira, no site www.sessaodatarde.com.br.
A Record mantém o veto a qualquer artista de seu cast no Teleton, maratona em prol da Associação de Apoio À Criança Deficiente (AACD). 
Ainda que Edir Macedo e Silvio Santos estejam empenhados em se tornar sócios em uma joint venture, a Record se sente alvo de permanente chacota de Danilo Gentili, por seu programa no SBT.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.