Divulgação
Divulgação
Imagem Cristina Padiglione
Colunista
Cristina Padiglione
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Com produções de 12 países, Festival Telas se expande

Além da mostra de programas, 2ª edição do evento ganha mais espaço, debates e exposições de figurinos

Cristina Padiglione, O Estado de S.Paulo

08 de novembro de 2015 | 03h00

Um Festival de Televisão Internacional ainda é novidade no calendário de São Paulo, mas a 2ª edição do Telas, evento promovido pela Converge, em parceria com a SPCine, empresa de audiovisual da Prefeitura de São Paulo, chega à cidade nesta segunda-feira, 9, trazendo a experiência do ano passado, e multiplica seus espaços e ações pela cidade. A programação, que vai até o próximo domingo, dia 15, reúne mostra de programas de 11 países, além do Brasil, e prevê a presença de grandes grifes internacionais, como o showrunner da série Narcos, Chris Brancato.

Serão exibidas produções nacionais das principais produtoras e canais de TV do Brasil e de países como Alemanha, Argentina, Austrália, Bélgica, Colômbia, Equador, Espanha, França, Holanda, Reino Unido e Uruguai, de diferentes plataformas.

Mais de 60 empresas inscreveram seus programas na mostra competitiva e estarão em exibição (gratuita) em salas na Oca, MIS, MAM, Faap e Unibes Cultural. Todos serão avaliados por um júri especializado e participam das Mostra Brasil, Mostra Internacional, Mostra Comkids e Mostra Input. O evento conta com a parceria de alguns dos mais qualificados festivais do mundo na curadoria de sua seleção, como o FIPA (França), Sunny Side (França) e HotDocs (Canadá), além da consultoria para a temática infantojuvenil do comKids.

Além de uma série de atividades e atrações para crianças, há toda uma programação para tratar de tecnologia (a Ilha da Tecnologia, de 11 a 15, na Oca), espaço que abriga ações como óculos de realidade virtual, games sobre mobilidade, voos de drones feitos com sucata e um quebra-cabeça com móveis feitos de papelão. No mesmo período, a Oca recebe o Espaço Instituto Criar, onde a Escola de Formação em Cinema e Audiovisual vai expor os projetos Cine K’Rossa, uma carroça com equipamento de projeção de filmes; Cinecleta, um cinema móvel dentro de uma bike; e o Noiz Anima, mesa de animação feita com caixa de sapato e uma luz interna sobre a qual as crianças poderão desenhar e pintar.

Do lado de fora da Oca (dia 14, às 11h), a produtora Hangar Filmes promoverá um workshop de drones para diretores, operadores de câmera e fotógrafos. E tem a Arena Web, também na Oca, que reunirá as estrelas do YouTube, como Karen Jonz, do Garagem de Unicórnio, e Pedro Afonso, do canal RezendeEvil, que cria enredos com base nos jogos de Minecraft.

Debates sobre música e gastronomia na TV reúnem, na FAAP, diretores, produtores e apresentadores em encontros abertos ao público. Na quinta, às 14h, tem Charles Gavin (Canal Brasil), Salim Mukaddam (diretor de Conteúdo e Produção Musical da BBC Worldwide) e Jair Oliveira (S de Samba). E na sexta-feira 13, às 16 h, Henrique Fogaça (Band), Carla Pernambuco (Discovery), Rita Lobo (Panelinha / GNT), André Mifano (GNT) e Pedro Benoliel (Food Network) falam de gastronomia na TV.

E nem falamos de metade dos programas em exibição. A programação completa está no site www.festival de tv.com.br

 

MOSTRA E DEBATES

Peixonauta

Exposição de 15 telas do longa previsto para 2016. Oficina para crianças (14 e 15, às 11h30 e 14h30), na Oca.

Sara e o Pato

Série pré-escolar da BBC, premiada: dia 15, às 15h, na Oca.

Foo Fighters

Dirigido pelo vocalista Dave Grohl. Na Faap, dia 12, às 16h.

Narcos

Debate sobre roteiro com Chris Brancato (‘Narcos’), Alfredo Barrios (Burn Notice), Beto Skubs (roteirista) e Ricardo Hofstetter (Associação dos Roteiristas)

Mais conteúdo sobre:
televisão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.