Chefe de cozinha britânico pede desculpas na TV australiana

LONDRES (Reuters Life!) - O chefe e celebridade britânico Gordon Ramsay desculpou-se nesta quarta-feira por ter insultado uma conhecida repórter de televisão australiana.

REUTERS

10 de junho de 2009 | 11h26

Célebre pelos palavrões que despeja livremente na televisão, Ramsay provocou ultraje no sábado quando mostrou ao público de uma feira de alimentação uma foto de uma mulher nua de quatro, com muitos seios e rosto de porco, e disse que a imagem era de Tracy Grimshaw.

A jornalista, que o entrevistara na noite anterior, descreveu Ramsay como "grosso" e "narcisista arrogante", e o primeiro-ministro australiano, Kevin Rudd, disse que as declarações do cozinheiro refletem "uma nova forma de baixeza".

Em comunicado, Ramsay disse que os comentários que fez acerca de Grimshaw foram "feitos no calor do momento e em resposta a importunações por parte da plateia".

"Sua intenção foi fazer uma brincadeira, e de fato ele provocou gargalhadas no momento", disse o comunicado do chefe de cozinha.

"Olhando em retrospectiva, porém, ele compreende que seus comentários foram inapropriados e ofensivos a Tracy Grimshaw. Gordon fez um pedido pleno e franco de desculpas no programa Channel 9 News, que Tracy aceitou. Ele também falou pessoalmente com ela".

(Reportagem de Mike Collett-White)

Tudo o que sabemos sobre:
TVCHEFINSULTO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.