Charlie Sheen pode participar da última temporada da série 'Two and a Half Men'

Ator foi afastado em 2011 após ter problemas com o diretor

O Estado de S. Paulo

22 Setembro 2014 | 17h49

Charlie Sheen pode fazer uma participação especial no último episódio da temporada final de Two and a Half Men.  Segundo informações do site E! Online, o representante do ator confirmou que Sheen deve retornar no capítulo derradeiro da série. "Todo mundo pensou que poderia ser interessante. E é nesse ponto em que as coisas estão", afirmou o assessor Jeff Ballard.

Ainda de acordo com Ballard, apesar dos problemas do passado, tanto o diretor Chuck Lorre quanto Sheen estão receptivos à ideia. "Sheen gostaria de fazer isso por todos os fãs que acompanharam a série durante esses anos e continuam a acompanhar as reprises", disse.

Sheen deixou Two and a Half Men em 2011, após ser internado na reabilitação durante as gravações. À época, o ator fez duras críticas a Lorre e a CBS. Para dar continuidade à série, Charlie Harper morreu e Ashton Kutcher entrou na produção como Walden Schimdt, um bilionário que comprou a casa de Harper após a morte dele.

No ar há 11 anos, Two and a Half Men é uma das séries de comédia mais aclamadas dos últimos tempos. Seu criador, Chuck Lorre, é também produtor de The Big Bang Theory. A última temporada de Two and a Half Men estreia em outubro nos Estados Unidos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.