Alessandro Bianchi/ Reuters
Alessandro Bianchi/ Reuters

Benicio del Toro negocia para protagonizar série dirigida por Ben Stiller

'Clinton Correctional' se baseará na história real de dois detentos que fugiram de um presídio com a ajuda de uma das funcionárias

EFE

09 Maio 2017 | 10h40

O ator porto-riquenho Benicio del Toro está em negociações para protagonizar junto com a atriz americana Patricia Arquette a série Clinton Correctional, uma produção televisiva que será dirigida pelo ator e diretor Ben Stiller.

Segundo informou nesta segunda-feira, 8, o site especializado The Hollywood Reporter, a emissora Showtime se encarregará de desenvolver este projeto, que já conta com a presença de Stiller, à espera que Del Toro e Arquette se incorporem ao elenco.

Clinton Correctional se baseará na história real de dois detentos que fugiram de um presídio do estado de Nova York com a ajuda de uma das funcionárias da prisão.

Vencedor do Oscar de melhor ator coadjuvante por "Traffic" (2000), Del Toro tem em seu horizonte mais imediato a estreia de "Star Wars: Os Últimos Jedi", oitavo episódio da saga idealizada por George Lucas, e "Soldado", a sequência do thriller "Sicário" (2015) que foi dirigido por Denis Villeneuve.

Por sua parte, Arquette, que levou o Oscar de melhor atriz coadjuvante por "Boyhood: Da Infância à Juventude" (2014), fará parte do elenco de "The Bell Jar", a estreia atrás das câmeras da atriz Kirsten Dunst.

Por fim, Ben Stiller, que como ator participou de produções como "Quem Vai Ficar com Mary?" (1998) e "Entrando numa Fria" (2000), dirigiu filmes como "Zoolander" (2001) e "Trovão Tropical" (2008).

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.