Reprodução/TV
Reprodução/TV

'BBB 11' se despede de Diogo e Janaína em paredão triplo

Paulinha foi a sobrevivente do 9º paredão do programa

Estadão.com.br,

02 de março de 2011 | 00h29

A casa do Big Brother Brasil 11 perdeu, na noite desta terça-feira, 1, mais dois integrantes. O baiano Diogo foi eliminado com 44% dos votos e a paulista Janaína se despediu do programa com 33%. Sorte de Paulinha, que estreou no paredão e o público do reality show da TV Globo quis que ela continuasse na disputa.

 

A formação desse paredão triplo começou uma semana antes quando, depois de um jogo de cartas, Paula e Diana foram as escolhidas da casa para uma missão: a dupla foi para o chamado "Quarto do Terror" e teriam que, no escuro, achar duas chaves, dentre 2 mil, que abrisse a porta do local. Tudo em até 10 horas. Se não conseguissem, uma das duas iria ao paredão, mas se tudo desse certo, teriam que colocar Talula ou Janaína, indicadas em consenso pelos colegas da casa para integrar o 9º paredão do programa.

 

Porém, em menos de 2 horas, Paulinha e Diana encontraram as chaves e deixaram o quarto, emparedando, então, a bailarina Janaína. Diogo e Paula, inimigos declarados, completaram o paredão triplo.

 

O baiano foi indicado pelo líder Daniel, que se mostrou indeciso nos últimos dias. Já a roraimense Paula recebeu a maioria dos votos da casa (quatro).

 

Em seu tradicional discurso, o apresentador Pedro Bial citou uma frase do compositor Mozart para definir a eliminada: "A felicidade existe apenas na imaginação", e completou: "Essa é sua fortuna, Janaína."

 

O que lhes restou sonhar?", questionou Bial, ao também eliminado Diogo e a Paulinha."Só restou sonhar sonhos impossíveis, ou quase impossíveis."

 

Com a eliminação dupla desta terça, a disputa segue agora com nove participantes, seis mulheres e três homens. Eles continuam na briga pelo prêmio de R$ 1,5 milhão.

Tudo o que sabemos sobre:
BBB 11Big Brother Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.