Divulgação
Divulgação

Atual temporada da série 'Dexter' pode ser a última

Michael C. Hall, ator que interpreta o serial killer Dexter Morgan, teria atingido um impasse nas negociações com a emissora que leva o programa ao ar

estadao.com.br,

04 de outubro de 2011 | 18h53

SÃO PAULO - O primeiro episódio da 6ª temporada de Dexter bateu recordes de audiência quando foi ao ar no último domingo nos EUA, mas a série pode chegar ao fim ainda este ano.

 

De acordo com o site Deadline, as negociações da emissora Showtime com o ator Michael C. Hall, protagonista da série e vencedor do Globo de Ouro no papel do serial killer 'do bem' Dexter Morgan, estão empacadas.

 

O site publicou que o ator quer receber US$ 24 milhões para gravar mais duas temporadas, enquanto a emissora estaria insistindo em não pagar mais do que US$ 20 mi.

 

Considerando que as possíveis 7ª e 8ª temporadas tenham 12 episódios como todas as outras, o valor requisitado pelo ator corresponderia a US$ 1 milhão por episódio.

 

A reestreia da série registrou 2,2 milhões de espectadores, número 24,4% maior do que o do primeiro episódio da temporada anterior, o que certamente conta a favor do ator.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:
Dexter

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.