Reprodução
Reprodução

Ator processa Fox em US$ 250 mi por personagem de 'Os Simpsons'

Italiano Frank Sivero está alegando que personagem auxiliar de Tony Gordo é, na verdade, ele

O Estado de S. Paulo

22 de outubro de 2014 | 11h34

Entrando para a série de processos jurídicos curiosos, o ator italiano Frank Sivero - que participou de Os Bons Companheiros, de Martin Scorsese, e O Poderoso Chefão Parte II, de Francis Ford Coppola, interpretando gangsteres - processou a emissora americana Fox em US$ 250 milhões. A alegação é que o personagem Louie, um mafioso auxiliar do chefe da máfia na série Os Simpsons, Tony Gordo, é na verdade uma cópia de Frankie Carbone, o personagem de Sivero no filme de Scorsese.

"Eles sabiam que ele estava desenvolvendo o personagem para 'Os Bons Companheiros'", diz o processo, sobre produtores de Os Simpsons. "Na verdade, eles estavam cientes de que o personagem Frankie Carbone foi criado e desenvolvido por Sivero, que baseou esse personagem na sua própria personalidade", continua - o processo diz que dois produtores da série eram vizinhos de Sivero no início dos anos 1990, época em que Louie estreou no desenho animado. Ele apareceu em 15 episódios desde 1991.

O processo alega que direitos autorais foram violados e que a ideia de Sivero foi desapropriada - e o italiano ainda reclama de "interferência em prováveis vantagens econômicas", uma vez que o uso da ideia teria "diluído" o valor do personagem criado e ainda reforçado uma imagem única, de apenas interpretar personagens mafiosos, que ficou colada ao ator.

Os dois grandes papéis do ator foram nos filmes citados acima - no início deste ano, ele foi detido por porte ilegal de armas. Há alguns meses, ainda, ele processou um restaurante por causa de um sanduíche nomeado em homenagem ao seu personagem de Os Bons Companheiros. As informações são do portal The Hollywood Reporter.

Tudo o que sabemos sobre:
FoxOs SimpsonsFrank Sivero

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.