Divulgação
Divulgação

Anthony Hopkins compara 'Breaking Bad' a Shakespeare e gregos

Após ver série toda em duas semanas, vencedor do Oscar diz que atuação de Bryan Cranston é a melhor que já viu em sua vida

O Estado de S. Paulo

14 de outubro de 2013 | 22h10

Depois de assistir de uma só vez, em duas semanas, as cinco temporadas de Breaking Bad, o ganhador do Oscar Anthony Hopkins escreveu um e-mail a Bryan Cranston, protagonista da série, dizendo que sua performance é "a melhor atuação que já viu em toda a sua vida".

Na pele de Walter White, Cranston foi indicado a quatro Globos de Ouro e venceu outros quatro prêmios Emmy. Ele vive um pacato professor de química que, ao ser diagnosticado com câncer, acaba envolvendo-se com o mundo do tráfico de drogas para garantir o sustento futuro de sua família. No processo, o reconhecimento e o gosto pelo poder começam a corrompê-lo e mudar suas motivações.

Usando adjetivos como "brilhante" e "explêndido", Hopkins elogia todos os setores da produção por ter conseguido manter o controle durante todas as temporadas no que define como uma "comédia de humor negro" que se transformou em um "labirinto de sangue, destruição e inferno". O vencedor do prêmio da Academia ainda comparou o roteiro a tragédias gregas e a Shakespeare.

A mensagem foi postada no perfil de Facebook de um colega de elenco de Cranston, Steven Michael Quezada. Em setembro, o episódio final da série foi vista por um número recorde de 10 milhões de pessoa nos EUA - no Brasil, a produção é exibida pelo AXN e pode ser conferida também no Netflix.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.