A voz do povo é a voz de Flora

Vilã enfrenta a raiva de Irene e diz boas verdades à ingênua matriarca de 'A Favorita'

O Estado de S.Paulo

20 de dezembro de 2008 | 22h19

Após descobrir que foi enganada a novela inteira, Irene (Glória Menezes) enfrentará Flora (Patrícia Pillar) em A Favorita. Sem imaginar que a matriarca dos Fontini tem conhecimento de suas maldades, a vilã chega atrasada à missa em memória de Gonçalo (Mauro Mendonça). Irene, ao ver Flora, a chama de assassina e diz que ela é a culpada pela morte de Marcelo e de Gonçalo. Flora não se fará de vítima e dirá que foi a própria Irene quem a ajudou a acabar com os Fontini.   Veja também: Cássio Gabus Mendes vira vilão em 'Três Irmãs' Em 'Negócio da China', Celeste volta do Japão   Irene cospe na cara de Flora e a discussão só é interrompida quando Lara ampara a avó. Apesar da loucura, é fato que Flora fala verdades que o público pensa. Portanto, o bom da briga será a fala da vilã: "Você só acreditou em mim por causa da minha cara de anjo. Até meu pai te alertou que eu não presto."  

Tudo o que sabemos sobre:
novelas'A Favorita'

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.