A Disney na era da Ilha do Tesouro

Na era em que a Disney fatura alto com monstros, nemos e seres humanos digitais, é curioso rever A Ilha do Tesouro, primeiro filme da empresa usando atores. Baseado na clássica história de Robert Louis Stevenson, o livro já teve diversas adaptações para o cinema, quase uma a cada 20 anos. Ao lado da versão de Victor Flemming (1930), a melhor de todas ainda é esta do diretor Byron Haskin de 1950, estrelando Bobby Driscoll e Robert Newton. A história é do garoto Jim Hawkins, que recebe de um velho lobo do mar o mapa do tesouro. Ele embarca em um navio cheio de piratas sangüinários, liderados por um perneta, Long John Silver.Foi o primeiro filme da Disney exibido na TV. Mas a pipoca teve que ser estourada duas vezes, já que o canal dividiu o filme em duas partes, exibindo a segunda uma semana depois. O sucesso foi enorme.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.