Divulgação
Divulgação

Prêmio Bibi Ferreira divulga finalistas

Dedicado a musicais encenados em São Paulo, evento traz ‘Gabriela’ com maior número de indicações – 13

Ubiratan Brasil, O Estado de S.Paulo

25 Julho 2016 | 19h45

Com 13 indicações, Gabriela – Um Musical é a produção genuinamente nacional com mais categorias na disputa do 4º Prêmio Bibi Ferreira, dedicado às produções exibidas em São Paulo entre 1º de julho de 2015 e 30 de junho de 2016. Em seguida, estão Antes Tarde do que Nunca, Gilberto Gil, Aquele Abraço – O Musical e Rodgers&Hammerstein – Cinderella, com 7 cada um.

Ao todo, 24 produções profissionais foram avaliadas por um comitê que inclui jornalistas especializados, críticos da área e profissionais do gênero. Os vencedores serão conhecidos no dia 20 de setembro, em cerimônia a ser realizada no Teatro Santander.

“O Prêmio é um panorama da produção da cidade de São Paulo”, diz Cristina Morales, diretora comercial do Bibi Ferreira. “Apesar da crise que o País atravessa, tivemos um crescimento de 50% no número de produções que estrearam na cidade, na comparação da 1ª com esta 4ª edição. Se buscarmos mais atrás, em 1999, considerado o ano da retomada, o crescimento é de 1100%.”

“Neste ano, 16 musicais concorreram ao Prêmio Tony – se aplicarmos os critérios do Tony aos musicais que concorrem este ano ao Bibi, teríamos 18 produções concorrendo. Ou seja, mais musicais estrearam em São Paulo que em Nova York”, diz o produtor, diretor e dramaturgo Marllos Silva, da Marcenaria de Cultura, empresa criadora e organizadora do prêmio.

MELHOR MUSICAL

Gabriela - Um Musical - Produção de Caradiboi e Tempo Entertainment

Gilberto Gil, Aquele Abraço - O Musical - RGA Produções, Miniatura 9 e Chaim Produções

Cinderella - Fábula Entret.

We Will Rock You - Caradiboi e Atual Consultoria

Wicked - T4F Entretenimento

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.