Núcleo OMSTRAB festeja seus 20 anos com novo espetáculo

Companhia de dança estreia 'Fluxo Invisível', com direção de Fernando Lee

Redação, O Estado de S. Paulo

15 de setembro de 2016 | 10h00

Para celebrar as duas décadas do Núcleo OMSTRAB, a companhia estreia nessa quinta, 15, no Centro Cultural São Paulo, o espetáculo Fluxo Invisível, com direção de Fernando Lee.

A montagem mescla música e dança contemporânea, tendo como fonte de inspiração a relação do homem com a água. A partir de uma pesquisa sobre os rios ocultos de São Paulo e toda a problemática hídrica, criou-se uma dinâmica onde os fluxos sonoros e de movimento trazem à tona, de forma poética, uma das questões mais urgentes do mundo contemporâneo.

FLUXO INVISÍVEL. Centro Cultural São Paulo. R. Vergueiro, 1000. Tel.: 3397-4002. 5ª, 6ª, sáb., 20h; dom., 19h. Entrada Franca.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.