Tiago Queiroz/ Estadão
Tiago Queiroz/ Estadão

'Estadão' conversa com Tarcísio Meira às 15h30; mande sua pergunta

Ator de 84 anos vai responder questões que já foram enviadas previamente, mas também as que os leitores propuserem durante papo, na área de comentários, na página Cultura Estadão do Facebook

Ubiratan Brasil, O Estado de S.Paulo

22 de outubro de 2019 | 11h40

O ator Tarcísio Meira vai responder as perguntas dos internautas do Estadão. A partir das 15h30 desta terça-feira, 22, o ator conversa ao vivo pela página Cultura Estadão do Facebook e vai responder questões que já foram enviadas previamente, mas também as que os leitores propuserem durante papo, na área de comentários.

Aos 84 anos, Tarcísio vai reestrear a peça O Camareiro, agora no Teatro Faap. Ao lado de Cássio Scapin e grande elenco, ele vive um velho ator, tratado por Sir, que insiste em encenar um clássico de Shakespeare, O Rei Lear, em um teatro de Londres, durante a 2ª Guerra Mundial. Nem os constantes bombardeios impedem sua determinação, o que revela, no entanto, os traços de uma loucura em avanço.

Em 2015, quando estreou a primeira temporada, Tarcísio ganhou o Prêmio Shell pela sua atuação. A honraria o convenceu a retomar o espetáculo, agora como produtor, depois de adquirir os direitos que pertenciam a Kiko Mascarenhas, ator com quem dividia o palco.

O título de Sir caberia bem a Tarcísio Meira - um dos maiores galãs de sua geração, marcou época especialmente na televisão, moldando o perfil do mocinho de folhetim ao somar mais de 50 papéis entre telenovelas, minisséries e seriados, desde 2-5499 Ocupado (1963), na Excelsior, a primeira novela diária da televisão brasileira, até a recente participação em Orgulho e Paixão (2018). Ele não pisava no palco desde 1996, quando encenou E Continua... Tudo Bem ao lado de Glória Menezes, sua mulher desde 1962. 

 

Tudo o que sabemos sobre:
Tarcísio Meirateatro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.