GAL OPPIDO/DIVULGAÇÃO
GAL OPPIDO/DIVULGAÇÃO

Tarcísio Meira volta ao palco 20 anos depois com 'O Camareiro'

Na peça, um homem senil e com a saúde debilitada busca interpretar uma vez mais 'Rei Lear'

Ubiratan Brasil, O Estado de S. Paulo

09 de agosto de 2015 | 03h00

O ator disfarça a preocupação com o notável sorriso que se tornou sua marca registrada. “Depois de 20 anos, volto ao palco em um papel maravilhoso, mas exigente”, conta o ator, cuja última peça foi E Continua... Tudo Bem, que encenou em 1996, ao lado de Glória Menezes.

Agora, Tarcísio viverá o velho ator de teatro de O Camareiro, que estreia em 4 de setembro, no Teatro Porto Seguro. A peça se passa durante a 2.ª Guerra, quando Sir, como é chamado por todos, luta no limite de suas forças para interpretar uma vez mais Rei Lear, de Shakespeare.

Ao seu lado, está Norman (Kiko Mascarenhas), dedicado camareiro que tenta atender suas demandas e, principalmente, ajudá-lo a lembrar suas falas, uma vez que o velho ator encontra-se confuso e desorientado.

“Nos ensaios, fiquei convencido de que Sir, na sua loucura, assume a posição do próprio Lear e começa a dizer as falas dele como suas”, diz Tarcísio, que ainda reluta em assistir à versão cinematográfica da peça, O Fiel Camareiro, com Albert Finney no papel principal. “Não resisti e vi apenas uma cena, no YouTube. É maravilhosa: Finney chega atrasado à estação e, ao notar o trem saindo, grita: ‘Stop this train!’”, diverte-se Tarcísio, que abre um sorriso que brinca em torno das bordas de sua boca, ameaçando materializar-se diante da mínima provocação. Quando finalmente se espalha por seu rosto, lenta e tranquilamente, transforma esse ator em um homem encantador.

LEIA TAMBÉM:

Tarcísio Meira e Glória Menezes retornam ao teatro

Glória Menezes volta com espetáculo 'Ensina-me a Viver'

O CAMAREIRO

Teatro Porto Seguro. Al. Barão de Piracicaba, 740, 3226-7310. 6ª e sáb., 21 h; dom., 18 h. R$ 80/ R$ 100. Até 13/12. Estreia em 4/9. 


Tudo o que sabemos sobre:
TeatroTarcísio Meira

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.