Reprodução|Facebook
Reprodução|Facebook

Morre ator italiano enforcado acidentalmente no palco

A polícia trabalhou com a hipótese de suicídio, que mais tarde foi descartada.

BBC, O Estado de S. Paulo

03 de fevereiro de 2016 | 16h53

Morreu nesta quinta-feira, o ator Raphael Schumacher, por morte cerebral. O jovem que tinha 27 anos sofreu estrangulamento no palco durante uma cena do espetáculo Mirages (Miragem) no Teatro Lux, em Pisa. Segundo informações do jornal Il Giorno, a morte foi anunciada pelo boletim médico do hospital universitário local.

De acordo com relatos, o jovem tinha acabado de recitar um monólogo e terminava a peça com a cabeça em um laço para simular um enforcamento. Um dos colegas disse mais tarde: "O laço deveria ter sido falso e deveria tê-lo travado. Se ele caiu,  eu não posso explicar como um incidente deste aconteceu." 

A polícia trabalhou com a hipótese de suícidio, que mais tarde foi descartada.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.