Divulgação
Divulgação

Gianecchini se recupera de faringite e suspende apresentações em São Paulo

Ator sofreu reação alérgia aos medicamentos utilizados no tratamento de uma faringite crônica; 'Cruel' ainda não tem previsão de retorno

Ubiratan Brasil,

08 de agosto de 2011 | 19h03

Uma faringite crônica vem impedindo o ator Reynaldo Gianecchini em participar da peça Cruel, em cartaz no Teatro Faap às segundas e terças-feiras. Ele foi tratado com antibiótico que resultou em grave reação alérgica. Por conta disso, o espetáculo não foi apresentado na semana passada e estará suspenso até a reabilitação do ator.

 

Com texto do dramaturgo sueco August Strindberg, Cruel acompanha Tekla (personagem vivido por Maria Manoella), que se transforma no eixo de uma vingança de Gustavo (Gianecchini) que, por sua vez, usa Adolfo (Erik Marmo) como bode expiatório. A direção é de Elias Andreato que, apaixonado pelo estilo seco, incisivo, direto dos diálogos de Strindberg, vinha desejando montar a peça desde 1983.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.