Arrecadação e público da Broadway crescem em 2010

Grandes musicais voltados para famílias e turistas, como "Wicked", "O Rei Leão" e "A Família Addams", ajudaram a Broadway a aumentar sua receita bruta em 2010.

REUTERS

04 de janeiro de 2011 | 18h36

Os 40 maiores teatros atingiram um total de 1,037 bilhão de dólares, em comparação com 1,004 bilhão de dólares em 2009, segundo dados divulgados na terça-feira pelo The Broadway League, que representa produtores e donos de teatro.

Mesmo que vários espetáculos tenham encerrado temporadas no fim do ano com algumas dificuldades para vender ingressos, os assentos mais caros, que saem por até 300 dólares, ajudaram a aumentar a receita da Broadway nos últimos anos.

O número dos expectadores também aumentou em 2010, para 12,11 milhões, em relação aos 11,88 milhões em 2009, disse o grupo.

A semana do Natal e Ano-Novo, tradicionalmente uma das semanas mais movimentadas e mais rentáveis da Broadway, ajudou a impulsionar as vendas, apesar da neve intensa em Manhattan.

"Wicked", por exemplo, quebrou o recorde de espetáculo de maior bilheteria numa única semana na história da Broadway, arrecadando 2,22 milhões de dólares para oito apresentações.

Outros espetáculos também se destacaram. "O Rei Leão" arrecadou 1,9 milhão de dólares e "A Família Addams" continuou a desafiar a reação negativa da crítica, arrecadando 1,4 milhão de dólares.

O musical "Homem-Aranha", que por conta de ferimentos de seu elenco sofreu atrasos de estreia, arrecadou 1,88 milhão de dólares durante a semana.

Tudo o que sabemos sobre:
TEATROBROADWAYLUCROS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.