Doug Mills/The New York Times
Doug Mills/The New York Times

Série vai imaginar vida de Hillary sem casamento com Bill Clinton

Produção da Hulu vai ser baseada no romance 'Rodham', lançado este ano; Sarah Treem, de 'House of Cards', fará o roteiro

Redação, EFE

23 de julho de 2020 | 09h56

A plataforma de streaming Hulu adquiriu os direitos para criar uma série de televisão baseada no romance Rodham, que imagina como seria o mundo e a vida de Hillary Clinton caso não tivesse se casado com o ex-presidente dos Estados Unidos Bill Clinton.

O livro, escrito por Curtis Sittenfeld e publicado em maio, tem no título o nome de solteira da ex-secretária de Estado, Rodham, e questiona como seriam as pretensões políticas de uma mulher no final do século 20.

A obra também analisa a relação do feminismo com o poder e as barreiras que as mulheres enfrentam nos círculos do poder.

Segundo a imprensa especializada, o Hulu, da Disney, encomendou o roteiro da série baseado no livro, considerado um best-seller nos EUA, antes de aprovar as filmagens.

Esta será a segunda produção televisiva focada em Hillary Clinton nos últimos anos. A primeira foi Hillary, que conta a história da campanha presidencial na qual a candidata foi derrotada pelo atual presidente, Donald Trump, em votação apertada.

A produção foi lançada após o sucesso de What Happened, as memórias nas quais a ex-primeira dama também analisou a inesperada derrota após ter passado algum tempo em silêncio e longe dos holofotes.

A nova série sobre a vida alternativa de Hillary Clinton terá roteiro de Sarah Treem, que já tem experiência em ficção política, como House of Cards, além dos ter trabalhado em The Affair, How to Make It in America e In Treatment

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.