Ziggy Marley se apresenta hoje no Credicard Hall

Um dia antes, em setembro, o cantorcountry Willie Nelson, de 73 anos, fora preso por guardas detrânsito da Louisiana, que revistaram sua picape e acharammaconha. Ziggy Marley, um dos sete filhos de Bob Marley quefazem música para ganhar a vida (os outros são Damian, Julian,Ky-Mani, Cedella, Stephen e Sharon, mas há outros ainda), nãotitubeou ao responder sobre o que achava daquela prisão deNelson. "Uma coisa estúpida. Acho que é realmente ruim, umaperda de tempo. Fica embaraçoso para a polícia, ter de prenderum homem respeitável como Willie, e envergonha Willie, que nãomerecia isso", disse Ziggy, falando por telefone. Mas é a lei,Ziggy. "É a lei, mas não é só porque é a lei que é algo certo",rebateu o cantor, que canta nesta quinta-feira no Credicard Hall, em SãoPaulo. Bem, esses são os credos da família Marley: paz & amor,liberdade & fraternidade, cachimbo da paz & futebol. Futebol?Pois é, Ziggy é fissurado também numa bolinha. "Onde Romárioestá jogando? Miami? Por que ele está jogando aqui?". Final decarreira, Ziggy. É o fim do caminho. "Pena, ele é muito bom.Gosto muito do Ronaldinho, do Barcelona. Eto?o é bom, mas não étão bom. E de Robinho, do Real Madrid. Esse é um gênio. Futebolé o meu grande amor." Na música, ele também não hesita ao nomear suas grandespreferências: "Fela Kuti. Adoro. E Miles Davis, é claro. Emuitos outros, como Gilberto Gil." Ziggy Marley está em turnêpromovendo seu novo disco, "Love is My Religion" (Tuff GongWorldwide), com todas as 12 faixas escritas, tocadas eproduzidas pelo próprio cantor - só três são produzidas por RossHogarth). Há canções sobre o amor, como não poderia deixar de ser("Love is My Religion" é o maior hit até agora), e também sobrequestões políticas ("Be Free", que pede que as pessoas rejeitema manipulação pelo medo) e sociais ("Still the Storms", que fazreferências aos problemas nos países africanos de Ruanda, SerraLeoa e Sudão). No seu álbum de estréia, "Dragonfly" (2003), Ziggy tinha aparticipação de Flea e John Frusciante, do Red Hot Chili Peppers Agora, sozinho, diz que seu trabalho ficou mais "groovy". Ziggyexperimentou recentemente uma experiência nova. Em 2004, ele feza voz de uma alga marinha rastafári, Ernie, no filme de animação"O Espanta Tubarões" ("Shark Tale"), que andava sempreacompanhada de outra alga rasta (Bernie, com voz de Doug E.Doug). Ele se divertiu, conta. "Foi uma boa experiência, mas eunão sou um ator. Aprendi bastante ali, tinha gente boa no filme:De Niro, Will Smith, Angelina..." Ziggy Marley. Credicard Hall (7.000 lug.). Avenida das NaçõesUnidas, 17.955, Santo Amaro, (11) 6846-6010. Hoje, 21h30. R$90 a R$ 120

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.