Visa Sounds promete três atrações

O cantor inglês Bryan Ferry é aquinta atração trazida ao Brasil pelo projeto Visa Sounds,resultado da parceria entre cartões Visa e a CorporaçãoInteramericana de Entretenimento (CIE) -- que administra, entreoutras casas, o ATL Hall, no Rio, e o Credicard Hall, em SãoPaulo. No ano passado, o Visa Sounds promoveu shows com BillBruford, Buddy Guy, Stanley Clarke e dos guitarristas RobertCray e Jeff Healey. Para 2003, segundo ano da série, Bryan Ferry por enquanto, é o único nome confirmado pelos organizadores.Mas outros artistas estão sendo sondados para se apresentar aopúblico brasileiro, entre eles Simply Red, Joe Satriani, Mana,Morcheeba e ColdPlay. "Para este ano, teremos, no mínimo, três atrações e, nomáximo, cinco. Vamos inaugurar com Bryan Ferry, que chegou a serconvidado para se apresentar no ano passado, mas optou por fazerturnê pelo Japão e vir ao Brasil em fevereiro", afirma odiretor-geral de Marketing da CIE, Paulo Leal. O grupo inglêsSimply Red, que já se apresentou no Brasil, é um dos nomesfortes da lista de possíveis convidados. "Eles ficarão em turnêaté maio e depois estariam disponíveis para vir ao Brasil",adianta ele. Segundo Leal, a oscilação do dólar não chegou a afetar asaúde do Visa Sounds no ano passado, a exemplo de outros grandeseventos, que tiveram de ser cancelados. Isso porque a negociaçãocom os artistas não se limita aos espetáculos no Brasil. Opacote inclui apresentações em outros países, o que permiteabatimentos e preços em dólar mais atraentes. A continuidade do projeto encontrou reforço ainda na boaaceitação do público em todos os espetáculos. Foram 95 milespectadores, nas quatro edições do projeto, além de grandevolume de ingressos vendidos antecipadamente pelo cartão. "Osingressos para o show do Buddy Guy, no ATL Hall, foram vendidos100% pelo Visa", diz a vice-presidente de Marketing da Visa doBrasil, Andréa Pinotti Cordeiro. Como a companhia de cartões temparceria no Visa Sounds, ela concede vantagens a seus clientes,como compra antecipada, com 15% de desconto e parcelamento dessevalor. "O Visa Sounds busca trazer nomes da música urbanacontemporânea e internacional", completa Andréa. "É regional,só ocorre no Brasil."

Agencia Estado,

11 de fevereiro de 2003 | 16h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.