Pierre Verd/ AFP
Pierre Verd/ AFP

Violoncelo avaliado em mais de um milhão de euros é roubado na França

Solista Ophelie Gaillard prestou queixa pelo roubo do instrumento fabricado em 1737

AFP

16 de fevereiro de 2018 | 16h15

Um homem armado com uma faca assaltou na noite desta quinta-feira, 15, uma musicista profissional em frente a sua casa nos arredores de Paris, levando seu violoncelo do século 18, avaliado em mais de um milhão de euros.

"Ajuda! Roubaram meu violoncelo esta noite", escreveu a solista Ophelie Gaillard em mensagem publicada no Facebook, acompanhada de imagens do instrumento.

** O que um holograma de Maria Callas pode nos informar sobre a ópera

Uma fonte policial confirmou nesta sexta-feira, 16, que a mulher prestou queixa pelo roubo do instrumento fabricado em 1737.

Gaillard disse à polícia que um homem armado com uma faca a ameaçou em frente à sua casa em Pantin, a nordeste de Paris, e levou seu violoncelo e seu telefone celular antes de fugir.

** Chick Corea e Steve Gadd lançam primeiro disco juntos

No Facebook, escreveu que o violoncelo, emprestado pelo banco CIC e avaliado em quase 1,3 milhão de euros (cerca de 1,6 milhão de dólares), foi fabricado pelo luthier italiano Francesco Goffriller, filho do renomado luthier veneziano Matteo Goffriller.

O ladrão levou também um arco que, segundo a musicista, era obra do famoso arqueiro francês do século 19 Jean Pierre Marie Persoit. Em 2003, Gaillard foi nomeada como revelação solista instrumental nos prêmios de música clássica francesa.

 

Tudo o que sabemos sobre:
instrumento musicalmúsica

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.