Rui Mendes / Divulgação
Rui Mendes / Divulgação

Vespas Mandarinas celebra música com Mudhoney com apresentação em SP

Compacto ‘O Ovo Enjaulado’ conta com faixa roqueira cantado por Mark Arm e canção psicodélica

Pedro Antunes, O Estado de S. Paulo

29 Julho 2015 | 19h15

Já são dois anos desde que o Vespas Mandarinas lançou seu disco de estreia, o elogiado Animal Nacional. No meio do caminho para um segundo álbum, a banda decidiu publicar o compacto O Ovo Enjaulado (Deck/Polysom, com preço sugerido de R$ 29,90), como um aperitivo de como o grupo soa hoje e, provavelmente, soará em 2016, quando o novo trabalho deve estar nas prateleiras. O show que comemora a chegada do vinil será realizado nesta quinta-feira, 30.

O single de 7 polegadas tem, no seu lado A, o grandioso Mark Arm, responsável por ajudar a fomentar a cena grunge de Seattle, nos Estados Unidos, com seu Mudhoney. O músico norte-americano gravou uma versão em inglês de Um Homem Sem Qualidades, uma das mais populares e velozes canções do repertório do Vespas. A versão de Arm, como conta Thadeu Meneghini, vocalista e guitarrista da banda, está ainda mais pesada do que a original, mas assemelha-se à versão atual da canção nos shows do grupo. 

“Nosso primeiro show foi abrindo para o Mudhoney”, relembrou Meneghini, ao citar a ligação direta entre o Vespas e a banda de Arm. A canção, conta ele, foi composta ainda antes da existência do atual grupo, quando liderava o Banzé!, no fim dos anos 2000. O líder do Mudhoney gravou a canção, cujo título traduzido é A Men Without Qualities, em 2010, mas cinco anos se passaram até que a versão fosse usada. 

“A música cantada por ele ficou ali guardada na gaveta. Pensávamos que, em algum dia, iríamos trabalhá-la”, diz Meneghini. A questão, então, é por que lançá-la agora? “Lançamos Animal Nacional há dois anos. E estamos começando a trabalhar o segundo álbum. Era o momento de dar uma vasculhada no baú, procurando o que pode ser usado até num segundo disco. E lembramos dessa versão.” 

O lado B do single é ainda mais surpreendente e revigorante. A música Estrada Escura, escrita por Taciana Barros e Michel Kuaker, é um primeiro flerte psicodélico do grupo e aponta para algo a ser perseguido neste novo trabalho. Serão novas parcerias e novos formatos de banda, explica o músico, já que neste mês o quarteto se tornou trio com a saída do baixista Flávio Guarnieri. 

Na apresentação desta quinta, Mark Arm não estará com a banda, mas, em contrapartida, Nevilton e Estevan Sinkovitz, da banda Marrero, se juntarão ao Vespas. 

LANÇAMENTO DE ‘O OVO ENJAULADO’

TEX Redneck Bar. R. Augusta, 1053, Consolação; 99479-4409. Nesta quinta-feira, 30, às 23h. R$ 30.

Mais conteúdo sobre:
vespas mandarinasmúsica

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.