SUZANNE CORDEIRO / AFP
SUZANNE CORDEIRO / AFP

Rock in Rio 2019: venda de ingressos começa nesta quinta, dia 11

Confira os valores e como comprar; evento acontece de 27 a 29 de setembro e de 3 a 6 de outubro

Redação, O Estado de S. Paulo

11 de abril de 2019 | 11h13

A venda de ingressos para o Rock in Rio 2019 começa nesta quinta-feira, 11, às 19h. A compra deve ser feita pelo site www.rockinrio.ingresso.com. Os ingressos custam R$ 525 inteira e R$ 262,50 meia-entrada, para cada dia de evento.

Não há taxa de conveniência. Quem optar por entrega em domicílio receberá suas pulseiras até agosto de 2019. A retirada em pontos físicos será realizada a partir de julho, em local a ser definido, na cidade do Rio. O Rock in Rio ocorre nos dias 27, 28, 29 de setembro, 3, 4, 5 e 6 de outubro, na Cidade do Rock (Av. Salvador Allende, s/n, Parque Olímpico). 

O Rock in Rio 2019 terá 16 espaços de atrações, cinco a mais que na edição anterior (Espaço Favela, New Dance Order, NAVE – Nosso Futuro é Agora, Fuerza Bruta e Rota 85). São 60 mil m2 a mais de área útil para o público presente (385 mil m2, no total).

No final do ano passado, em novembro, o Rock in Rio chegou a realizar uma venda antecipada de ingressos, que teve 198 mil Rock in Rio Cards vendidos em apenas duas horas. O "Card" dá acesso a um dia de festival, numa data a ser escolhida posteriormente pelo comprador. O preço cobrado em novembro foi de R$ 495 a inteira. 

Veja abaixo algumas perguntas e respostas sobre a compra de ingressos para o Rock in Rio.

Onde comprar o ingresso do Rock in Rio 2019?

A compra deve ser feita pelo site www.rockinrio.ingresso.com.

Quanto custa o ingresso do Rock in Rio 2019?

Os ingressos custam R$ 525 inteira e R$ 262,50 meia-entrada, para cada dia de evento

Quantos ingressos posso comprar para o Rock in Rio?

Cada cliente pode comprar até 4 ingressos por dia do festival, por CPF, sendo até 1 meia-entrada por dia.

Como será o ingresso do Rock in Rio 2019?

O ingresso será uma pulseira com chip e design exclusivo que substituirá tanto o ingresso de papel como o Card utilizado nas edições anteriores. A pulseira possui fecho inviolável e deve ser colocada somente no dia do festival.

Como será a entrega de ingressos parao Rock in Rio 2019?

O público receberá as pulseiras com chip referentes ao dia do festival que foi comprado. Quem optou por entrega em domicílio receberá suas pulseiras até agosto de 2019. Já os clientes que optaram pela retirada em ponto físico, poderão buscar suas pulseiras a partir de julho 2019, em local a ser definido, na cidade do Rio de Janeiro.

Haverá taxa de conveniência?

Não. A única taxa que o festival cobra, opcional, é a de entrega.

É possível parcelar a compra?

Sim. O pagamento poderá ser feito com cartões de crédito Itaucard e Credicard e parcelado em até 8 vezes sem juros. Com os demais cartões aceitos é possível parcelar a compra em até 6 vezes sem juros.

Crianças podem entrar no Rock in Rio?

Menores de 16 apenas acompanhados pelos responsáveis, segundo o festival.

É necessário fazer um cadastro para comprar o ingresso?

Sim. Para efetuar a compra é necessário possuir um CPF válido na Receita Federal, além de um cadastro ativo na Ingresso.com. Verifique seu cadastro ou faça um novo cadastro aqui.

Quais são as atrações confirmadas do Rock in Rio 2019?

No Palco Mundo, as atrações que encerram os dias do festival são: Drake (27/09), Foo Fighters (28/09), Bon Jovi (29/09), Red Hot Chili Peppers (3/10), Iron Maiden (4/10), P!nk (5/10), Muse e Imagine Dragons (6/10). Entre outros nomes confirmados na escalação, estão Cardi B, Anitta, Weezer, Dave Matthews Band, Goo Goo Dolls, Panic! At The Disco, Scorpions, Nickelback e Paralamas do Sucesso. No Palco Sunset, o line-up conta com Mano Brown, Seal, Whitesnake, Titãs, Jessie J, IZA, Elza Soares, Baco Exu do Blues, Emicida, Slayer, Charlie Puth, King Crimson, entre outros. São ainda outros quatro espaços com atrações musicais. 

Mais conteúdo sobre:
Rock in Rio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.