Ute Lemper vai cantar no Cultura Artística

Ute Lemper cantará em São Paulo para o conservador público da Sociedade de Cultura Artística - nos dias 25, 26 e 27 de junho. Deixando momentaneamente de lado as orquestras e grupos pop que geralmente a acompanham, ela se apresenta em São Paulo apenas com um piano. A cantora alemã - nascida em Munster há 37 anos - já fez ópera, cabaré e musicais em Londres e Nova York. Mais: é ótima dançarina, que ganhou de Maurice Béjart uma coreografia para ela. Como atriz, participou de Prospero´s Book, de Peter Greenaway, e Prêt-à-Porter, de Robert Altman, entre outros filmes.Desde que estreou em Viena, em 1982, na montagem austríaca do musical Cats, Ute Lemper vem fazendo furor. Já foi chamada tanto de "a musa da pós-modernidade" quanto de "a intérprete perfeita da música degenerada", daquele repertório que o nazismo riscou do seu mapa.Como o público da Cultura deverá ficar imediatamente chocado com o fato de ela cantar com microfone, a diretoria da entidade mandou-lhe um fax pedindo que a cantora-atriz privilegie os clássicos. Mas, a julgar por seu último disco, ninguém pode garantir que ela não cante coisas assinadas por Elvis Costello, Philip Glass ou Tom Waits.Nos últimos anos, Ute Lemper viajou com o seu espetáculo Berlin Cabaret Songs, cantou no revival do musical Chicago (9 meses em Londres, 7 meses em Nova York) e se exibiu na Opéra-Comique parisiense com o show De Weimar a Paris. Desde o ano passado, vem trabalhando em seu mais recente projeto, Punishing Kiss.

Agencia Estado,

10 de fevereiro de 2001 | 19h39

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.