Marcos Brindicci/Reuters
Marcos Brindicci/Reuters

Um festival mais pop

Em 2010 o festival Natura Nós trouxe uma programação politicamente correta, que buscou valorizar alguns dos expoentes mais criativos da MPB contemporânea (Marcelo Jeneci, Cidadão Instigado, Karina Buhr), ao mesmo tempo em que apostou em nomes internacionais que se situam entre o indie e o mainstream para garantir as vendas (Snow Patrol, Air, Jamiroquai). Sobraram ingressos. Além da curadoria, o festival sofreu com a agenda, pois foi marcado para o fim de semana depois do gigante SWU.

20 Abril 2011 | 06h00

Este ano, a empresa mudou o discurso, trocou a data para o primeiro semestre e apostou em nomes comercialmente infalíveis.

Jamie Cullum, o ídolo dos sufistas Jack Johnson e o fenômeno popular Maria Gadú dividem o palco principal e devem garantir o caixa. O Brasil será representado por BiD e por Roberta Sá com participação do fadista António Zambujo. O segundo dia, que traz uma programação infantil, terá Barbatuques e Toquinho.

A única novidade internacional é a cantora britânica Laura Marling, que lançou seu segundo disco I Speak Because I Can, no ano passado, com elogios da crítica e sucesso comercial (chegou à terceira colocação das paradas inglesas). Marling faz pop intimista com sobretons de folk. É uma digníssima concorrente de Regina Spektor, Lilly Allen e Martha Wainwright. / R.N.

 

PROGRAMAÇÃO

21/5

JAMIE CULLUM

JACK JOHNSON

MARIA GADÚ

ROBERTA SÁ E ANTÓNIO

ZAMBUJO

BiD

LAURA MARLING

G. LOVE

22/5

TOQUINHO

BARBATUQUES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.